Considere essas 7 redes sociais novas que podem “bombar” no próximo ano

ANÚNCIO

Após o sucesso do Tik Tok, muita gente tem se perguntado se existem redes sociais novas que podem aparecer por aí. E a verdade é que sim, há muitas delas. Algumas já existem há alguns anos e ainda não decolaram. Outras são bem novas mesmo.

Sendo assim, fomos atrás das redes sociais que podem “bombar” daqui par frente. Inclusive, uma boa parte delas tem o propósito de unir pessoas – seja física ou virtualmente. Entenda isso nas próximas linhas.

ANÚNCIO

1 – Shoelace

Para muita gente dentro do marketing digital, essa é uma rede social que está “esperando” a oportunidade certa para decolar no mundo. Para quem ainda não conhece, considere que estamos falando de uma rede social do Google, mesma dona do Orkut e Youtube.

Inclusive, o que se sabe é que o Google+ não deu certo. Portanto, a Shoelace é a nova aposta da empresa online. Essa é uma das redes sociais novas que não é tão nova assim. Afinal, ela foi criada em 2019. Logo, funciona através da conexão de pessoas conforme interesses e eventos.

O princípio é conhecido: marcar encontro presencial entre pessoas. O processo, que no começo parece contraditório quando se fala em internet, é chamado de “loop”. Assim, tem o foco de estimular o contato entre as pessoas.

ANÚNCIO

2 – Quora

Imagine só uma rede social baseada em perguntas e respostas. Sim, é algo como o que tem acontecido no stories do Instagram, sabe? Então, essa é a ideia do Quora, que tem o objetivo de trazer ao público questões e esclarecimentos. Por isso, é uma rede social qualificada.

Ou seja, para um público qualificado. Ah, você não entendeu? A gente explica: ao fazer uma pergunta no Quora, as chances de você ter uma resposta de muita qualidade são enormes. Inclusive, isso vale para várias áreas, como sobre viagens a lua e astronomia.

Para que se tenha essa qualidade nas respostas, o sistema usa o “upvotes”. Ou seja, os votos que são dados por usuários. Logo, a classificação sugere a melhor resposta. Para quem responde corretamente, há a vantagem de ser um “Top Writer”, ou seja, oficial de autoridade.

3 – Vero

É outra rede social que pode “bombar”. Ela é de 2018, ou seja, nem tão nova assim. Porém, mesmo que já apareceu na mídia, ela ainda não deslanchou. Basicamente, temos uma alternativa ao Facebook e ao Instagram.

Como assim? A Vero foi criada para ser melhor do que essas duas plataformas, justamente porque tem melhorias em tudo o que “as pessoas reclamam do Face e do Insta”. Assim, ela começa por não ter um algoritmo, sendo que o feed é cronológico.

Outra coisa é que não há recolhimento de dados do usuário e sem anúncios também. se você acha que isso não vai dar certo, considere que entre os grandes players do setor, a Vero é vista como uma grande ameaça para o monopólio de Mark Zuckerberg.

4 – MeWe

E se a gente quer falar de redes sociais novas do futuro não podemos deixar de lado a MeWe, que se autonomeia como “a próxima geração de rede social”. Ela tem o intuito e evitar a quebra de privacidade de dados, que é algo corriqueiro de ser falado no Facebook.

Assim, logo no começo da primeira página tem a frase: “sua vida privada #not4sale”. Na tradução para o português, temos algo como “sua vida privada não está à venda”. Portanto, isso mostra o foco de criar um ambiente seguro ao usuário.

Para isso, a ferramenta também não faz uso de algoritmos.

5 – Hello

Esse é um caso um tanto quanto interessante. Primeiro porque a Hello foi criada pelo mesmo criador do Orkut. Depois que ele também promete um ambiente seguro para quem está à procura de amizades verdadeiras.

Veja o que ele disse: “voltar a estabelecer laços profundos é o verdadeiro objetivo da plataforma”. Além disso, ele comenta que essa é uma das redes sociais novas que vai enfrentar o Facebook de frente – sendo que outro diferencial é o de não ter anúncios.

O algoritmo que existe é baseado em personas. Assim, dá para encontrar pessoas com interessantes semelhantes e em locais próximos. Por isso, temos algo bem parecido com o Shoelace, que mencionamos acima.

6 – Reddit

Talvez você já conheça o Reddit e talvez ainda não. O fato é que no Brasil ele ainda não pegou. Mas, fora daqui sim. Aliás, em alguns países, ele é um verdadeiro fenômeno. Mais do que isso, saiba que ele supera outras redes sociais famosas, como o “Twitter” e o “LinkedIn”.

Mas, como ele funciona? Através de fóruns. Assim, agrega temas variados que podem ser compartilhados, comentados, reagidos, etc. Logo, quanto maior o número de respostas, então, maior a relevância dele.

7 – Twitch

E para fechar a lista, o Twitch, que é uma rede social baseada em games e gamers. Logo, é uma plataforma que já tem mais de 15 milhões de usuários ativos todos os dias. A ideia é simples: ela funciona como um streamer, uma transmissão ao vivo, focada em jogos de videogame.

De fato, os jovens se sentiram atraídos por ela e aproveitam o tempo livre para interagir com os seus “ídolos” dos games. De modo prático, é uma rede social que eleva a importância dos chamados “broadcasters”. Sem dúvidas, é tendência e logo deve chegar ao Brasil.

Curiosidade – aprenda a planejar o conteúdo para as redes sociais

redes sociais novas

Há alguns dias, nós criamos uma matéria falando sobre o planejamento de conteúdo que vai para as redes sociais. A ideia foi criar um passo a passo para quem ainda não sabe muito bem por onde começar ou como fazer. A matéria é essa aqui:

Quer fazer o planejamento de conteúdo para redes sociais? Temos o passo a passo

Para quem está na dúvida, considere que temos dicas sobre o público, as pautas, os tipos de conteúdo, as palavras-chaves e muito mais.

ANÚNCIO