Veja por que é importante saber a diferença entre cliente e consumidor [e mais 2 conceitos]

ANÚNCIO

O marketing é antigo. Porém, foi somente após a iniciação do marketing digital que algumas expressões começaram a ser mais separadas. Por exemplo, hoje vamos falar sobre por que é importante saber a diferença entre cliente e consumidor.

Mas, também vamos adicionar nessa matéria duas outras expressões, que são: “comprador” e “usuário”. Afinal, quando a gente começa a compreender tais termos fica mais fácil saber para onde estamos indo e como podemos criar os melhores anúncios e outros tipos de conteúdo.

ANÚNCIO

E para começar, a gente vai falar sobre o papel do marketing. Depois, vamos seguir apresentando o significa, de forma resumida, de cada uma dessas expressões. Lembrando que toda empresa que oferece um valor (serviço ou produto) podem suar o marketing a seu favor.

Qual é o papel do marketing

A gente não precisa de muitas linhas para falar que o marketing é muito importante hoje em dia – e sempre foi. Atualmente, com a introdução do marketing nos meios digitais, ele ganhou uma nova conotação. Muita coisa se mantém, mas tantas outras mudaram.

O fato é que o que já ajudava a estimular as vendas, hoje se tornou essencial para esse fim. Para se ter uma ideia da mudança, vamos analisar os caminhos, que já não são os mesmos.

ANÚNCIO

Se antes a gente criava um produto para depois pensar na divulgação dele, atualmente é o inverso. Assim, estuda-se o mercado para criar um produto. A partir disso, há uma maior expectativa no lançamento, nas vendas, no que é ofertado.

Isso até recebeu um nome mais recente, chamado de “experiência do usuário”. O que engloba não apenas o estudo do mercado para criar um produto ou serviço. Mas, também a atenção e o cuidado para com o cliente em todas as fases da compra.

Mas, por que é importante saber a diferença entre cliente e consumidor

Você viu, de forma muito resumida, a importância do marketing. Agora, vamos mostrar porque entender os conceitos também tem sua relevância. Afinal, não se esqueça de que estamos falando sobre ter um alto índice de experiência positiva para o seu cliente, ok?

O usuário

Basicamente, nós temos o usuário como aquela pessoa que usa o produto. Então, se a gente tem um brinquedo para crianças, a criança é o usuário. Então, o que podemos concluir? Que é preciso conhecer muito do usuário para ter um bom produto sendo oferecido.

Logo, atente-se a notar a importância de saber o que o seu usuário gosta, o que ele sente, quais são os hábitos dele, o que o deixa feliz e como um produto pode ajudar ele. Então, aqui já temos uma importância do marketing nesse estudo do usuário – para conceber o produto.

O comprador

Por outro lado, nós temos o comprador, que vai auxiliar nessa essa resposta para a pergunta sobre por que é importante saber a diferença entre cliente e consumidor. O comprador é aquele que vai comprar o produto, ou seja, que faz a monetização dele.

Então, se temos a criança como usuária de um brinquedo, saiba que o pai dela pode ser o comprador. Aqui, vale pensar muito mais na questão financeira do produto ou do serviço.

Portanto, podemos pensar naquela história de promoção, de proposta de valor, de pensar nas vantagens do produto no que diz respeito ao custo-benefício. Entenda que nem sempre o foco será o usuário e sim o comprador, ok?

O consumidor

Agora, vamos ao próximo ponto importante, que é o consumidor. O consumidor é quem vai participar do processo de escolha. Geralmente, ele é o próprio usuário, mas nem sempre, como vimos acima. No entanto, o consumo não está ligado ao uso e sim a escolha.

Não entendeu? Vamos explicar melhor: saiba que se a gente considerar o exemplo do brinquedo, temos a mãe ou pai como compradores. Então, nessa situação, o pai ou a mãe é o consumidor, que também representa o papel do comprador, obviamente.

Mas, em uma próxima hipótese, a gente ainda pode considerar que foi a irmã mais velha que escolheu o presente, o brinquedo. Então, a gente tem 3 pessoas para 3 termos. Ou poderia ser 1 pessoa para os 3 termos também, ok?

O cliente

Sabendo dessa questão que começa em usuário, passa por comprador e consumidor, o que seria o cliente? No fim das contas, todos que foram citados acima são clientes. Isso porque cliente é quem se relaciona com a empresa, com a marca, com o produto.

Pode ser aquele que está usando o produto? Sim. Pode ser quem está pagando pelo produto? Também. E pode ser quem escolheu o melhor produto. Resumidamente, o cliente são todas essas pessoas – ou a única pessoa que passou por todas essas etapas.

Assim, a gente termina esse texto sobre a diferença entre cliente e consumidor. Mas, há um próximo tópico para quem ainda não entendeu o motivo de saber esses conceitos.

Para que serve a definição desses termos?

Entender esses termos, como falamos acima, vai permitir que você crie anúncios e conteúdo mais focados. Obviamente, a gente tem teorias que separam apenas o usuário do comprador ou o consumidor do cliente. No entanto, isso nada muda.

por que é importante saber a diferença entre cliente e consumidor

O que a gente precisa é que uma pessoa pode ser consumidora ao escolher o seu produto. Depois, ela se torna uma compradora porque paga por ele. Quando começa a usar, se chama usuário. E em todas as etapas passa a ser uma cliente.

Propaganda para atrair clientes? Veja qual é o melhor material gratuito

No fim das contas, é importante você saber que todas são importantes. E aquela ideia de experiência de usuário, que já citamos acima, vale para todos os casos. A pessoa precisa se sentir importante desde a pesquisa do produto até após o uso dele. Entendido?

ANÚNCIO