Como usar palavras chaves no LinkedIn?

PROPAGANDA

O Linkedin é a maior rede social profissional do planeta e uma mina de boas oportunidades para quem sabe utilizá-lo de forma efetiva – seja oportunidades de emprego ou de negócios!

Os desafios também são muitos para quem procurar se destacar dentre a multidão de perfis profissionais bem desenvolvidos e otimizados. Uma boa dica é saber usar as palavras chaves no LinkedIn de forma correta e que gere resultados.

PROPAGANDA

A verdade é que as palavras-chave podem facilitar essa difícil tarefa de estar entre os melhores currículos ou os melhores perfis da plataforma online.

Se bem utilizadas, elas podem destacar o seu perfil e te colocar à vista dos principais recrutadores da rede, gerando mais oportunidades de negócio e aumentando o seu networking, algo que é extremamente benéfico para sua carreira.

No artigo a seguir, você confere o que são essas palavras-chave e como e onde utilizá-las no seu perfil de forma efetiva.

PROPAGANDA

Ao fim, você ainda descobre como encontrar as melhores para o seu perfil profissional, área e profissão. Acompanhe e saiba tudo!

O que são as palavras-chave?

As palavras-chave são os termos utilizados por pessoas quando fazem uma pesquisa na web através de buscadores como o Google e o Bing e também em outras plataformas, como o Facebook, o Instagram e o próprio Linkedin.

Então, sim, as palavras chaves no LinkedIn também são importantes de serem estudados e isso não fica apenas quando o assunto gira em torno do Google.

Quando as palavras-chave são usadas em uma busca em determinada plataforma, ela vai exibir resultados que contenham estes mesmos termos.

No Google, por exemplo, quando você busca por receitas de pudim de leite, todos os resultados serão sobre pudim de leite e terão este termo escrito e, na maioria dos casos, bem trabalhado em SEO.

Palavras chaves no LinkedIn

No Linkedin, a ideia é praticamente a mesma.

Quando um recrutador pesquisa por “recursos humanos” na barra de pesquisa, o algoritmo de pesquisa da rede social procura e exibe os perfis que contém este termo ou variações dele, como “Profissional de recursos humanos”, por exemplo.

Sendo assim, as palavras-chave são o que permite que as pessoas te encontrem dentro do Linkedin.

Leia Também – 3 motivos para te fazer explorar ainda mais o LinkedIn

Sem elas, o seu perfil não vai aparecer nos resultados de busca e você vai perder muitas oportunidades de negócios, de emprego, de ideias.

Do contrário, com um perfil bem trabalhado e palavras-chave bem distribuídas, sempre que alguém pesquisar por termos relacionados o seu perfil vai aparecer, o que é quase uma mina de oportunidades.

A seguir, você descobre onde usar as palavras-chave e aproveitar os benefícios dessa técnica que existe no marketing digital. Continue acompanhando!

Onde usar palavras chaves no LinkedIn?

Por ser uma rede social voltada ao mundo profissional, o Linkedin possui uma série de campos que você pode usar para descrever a sua área de trabalho, as suas habilidades, a sua experiência e formação, as suas competências, expectativas e visão de mundo.

Durante uma pesquisa na plataforma, todos esses campos são analisados pelo algoritmo para definir quem vai aparecer nos resultados e em qual ordem e é exatamente neles que você deve colocar as palavras-chave.

Tente entender que sempre vai existir uma relação de amor entre os algoritmos e as palavras chaves!

Isso porque são elas que vão dizer ao algoritmo de pesquisa o que está em cada campo.

No título, por exemplo, a palavra-chave “produtor de conteúdo” indica a sua profissão e quando algum recrutador estiver procurando por produtores de conteúdo na plataforma, o seu perfil é exibido.

Abaixo, você confere todos os campos que devem receber palavras-chave detalhadamente.

No Título

O título do seu perfil no Linkedin é talvez o campo mais importante de todos!

É ele que aparece em destaque toda vez que você faz uma postagem, envia convites, manda uma mensagem, participa em discussões em grupos e é o grande responsável pelo seu rankeamento nos resultados de busca.

O que você coloca no título impacta diretamente nas suas chances de ser bem rankeado e de ser visto por pessoas que estão à procura de profissionais com as suas habilidades, competências e perfil profissional.

Por isso, não deixe de inserir palavras-chave aqui.

Resuma a sua profissão e habilidades em uma frase relativamente curta, mas que englobe todos os termos que você quer rankear.

Assim, sempre que alguém buscar por termos relacionados, você estará lá.

No Resumo

O resumo também é muito importante para o seu perfil no Linkedin e uma grande oportunidade para você usar e abusar das palavras-chave, já que o espaço foi criado justamente para receber textos longos, dando mais possibilidades de uso dos termos que você quer rankear.

Dessa forma, aproveite bem esse espaço e insira todas as palavras-chave que você quiser, das principais às secundárias e aproveite o espaço maior para inserir também variações das palavras-chave que você já usa.

O termo “Redes sociais”, por exemplo, tem a variação “Mídias Sociais”.

Assim como a palavra-chave “Sucesso do Cliente”, que possui a variante “Relacionamento com o Cliente”.

Usando as variações você aumenta as chances de aparecer nos resultados de busca, já que não importa o termo utilizado por quem pesquisa para descrever o que quer, ele já consta no seu perfil.

Porém, tenha cuidado!

O resumo é um espaço que deve ser utilizado para você mostrar às pessoas suas conquistas, sua experiência, vivências, projetos, trabalhos voluntários; é um espaço que você deve usar para impressionar.

Ou seja, não deve ser utilizado apenas para inserir palavras-chave. Elas devem estar lá, mas de forma natural, bem mesclada ao conteúdo.

Nas Competências e nas recomendações

Por fim, você também possui o campo de competências e recomendações para inserir as palavras-chave.

E o interessante é que ele é justamente voltado a isso, onde você pode ir colocando termos relacionados às suas competências e que são utilizados nas pesquisas para dar um boost no seu rankeamento.

E aqui não há segredo, basta escolher as palavras-chave e adicionar.

Apenas não se esqueça de utilizar também variações e colocar as palavras-chave principais primeiro, para que aparecem no topo.

Leia Também – Digital influencer: 10 personalidades para você seguir no LinkedIn

Como escolher as palavras-chave certas?

Bem, agora que você já sabe onde e como utilizar as palavras-chave no Linkedin pode estar se perguntando: quais palavras-chave usar? Como escolher as melhores para a minha profissão e área de atuação?

Infelizmente, o Linkedin não conta com uma ferramenta própria de pesquisa de palavras-chave, mas você pode utilizar as ferramentas da web para descobrir quais termos melhor se encaixam nas suas necessidades.

Ferramentas como o Keyword Planner, SEMRush e UberSuggest fornecem uma análise precisa de inúmeras palavras-chave, indicando volume de busca e inúmeras outras informações que podem te ajudar na escolha.

Se você ainda não conhece essas ferramentas, leia este outro conteúdo: Como escolher palavras chave? 10 ferramentas SEO gratuitas conhecidas

PROPAGANDA