Aparência é tudo? Descubra como montar um design profissional de graça

Aparecer na internet ou ser reconhecido no mundo digital é o sonho de muita gente porque isso é um grande diferencial na hora de vender uma ideia, um serviço ou um produto.

Essa ideia de aparecer é verdade porque estar presente nas redes sociais é o 1º passo para se dar bem se você tiver apostando no marketing digital. Agora, para todo caso, saiba que a concorrência no mundo virtual é grande.

Esse é um mercado muito competitivo e aí é que entra o assunto de hoje:

– com um mercado cada vez mais competitivo e variável, a aparência torna-se um diferencial porque só é lembrado quem é visto e só é comprado quem é conhecido.

Sendo assim, bora aprender como aparecer de forma clara, objetiva e sem exageros na internet? Considere que você tem que ter coisas diferenciadas, estratégicas e que fazem toda a diferença para você. Então, vamos nessa!

PROPAGANDA

A aparência!

A aparência que estamos nos referindo não tem a ver só com o seu blog, tipo a interface do blog ou do site ou do e-commerce, tá.

Estamos falando também de você ter um conteúdo bonitão, sabe? Com um infográfico, uma foto de um produto com alta qualidade, uma aparência bonita mesmo, entendeu?

Isso tem que fazer parte da sua estratégia.

E quando a gente fala das redes sociais especificamente, o negócio é o mesmo: tem que estar bonitão!

Lá tem muita informação sendo jogada para os usuários ao mesmo tempo – você sabe que são milhares de pessoas e páginas colocando o conteúdo, postando, divulgando, publicando o tempo todo.

Então, se você coloca uma informação sobre o produto ou o conteúdo e fica competindo com todo mundo, então, temos um algoritmo. (que nada mais é do que uma coisa colocada dentro do Facebook, do Instagram e de outras redes sociais).

Esse algoritmo é um código que começa a entender os seus hábitos…

Calma, calma, que vai ficar fácil.

O algoritmo começa a selecionar o que vai aparecer para cada pessoa que está usando a rede social.

Isso quer dizer uma coisa muito importante: que nem todo o conteúdo que é postado por você vai chegar a todo mundo – mesmo que um siga o outro e vice-versa.

Então, isso já diminuiu bastante as chances da sua empresa (do seu blog, do seu canal do Youtube) aparecer.

Agora, outro detalhe importante aqui:

– quando você aparecer, a sua chamada tem que ser boa o suficiente para ser decisiva para a tomada de decisão do usuário (a sua aparência tem que ser boa para ele clicar no seu link).

Resultado: se você faz um post meio “mais ou menos”, então, aquela aparência fica sem graça e a pessoa vai simplesmente passar despercebida por aquilo que você colocou… E você vai ter perdido tempo, dinheiro e tudo mais que investiu.

O 1º contato

Aqui já deu para entender a importância da sua aparência, né. Porque o usuário vai ter um 1º contato com a sua campanha e vai ter que clicar nela.

Então, a chance de ter conquistado o seu cliente (novo assinante) precisa ser grande para quando isso acontecer.

O gatilho é fundamental para chamar a atenção dessa pessoa que está vendo a publicidade.

E isso tem que acontece especialmente sobre o visual daquilo que você postou, que nada mais é do que o seu conteúdo, que, por fim, vai precisar ser excelente.

Mas, o primeiro contato que a pessoa vai ter com você vai ser através de uma imagem!

É por isso que você tem que criar uma coisa que vai seduzir quem estiver ali e que vai chamar a atenção dessa pessoa. E, claro, isso pode criar alguma coisa que seja bacana visualmente.

Você tem que ter alguns conceitos de design na cabeça para conseguir isso.

Só que nem todo sabe tudo (ou o básico) sobre design. E nem todo mundo tem tempo para ficar ali mais de 3 horas criando uma campanha.

E agora que esse conteúdo se torna importante para você: você tem que começar a utilizar alguns atalhos, que são coisas que vão facilitar o seu dia a dia.

E não adianta você ficar quebrando a cabeça ou ficar chorando, falando que você não tem dinheiro para pagar um profissional para fazer ou ter que ficar pedindo ajuda gratuita para que ele faça na amizade para você.

A dica é usar ferramentas que são práticas!

São ferramentas que vão fazer a diferença na hora que você for criar a sua campanha e registrar as sua marca, marcar presença mesmo, nas redes sociais.

Frases para o Facebook

Aqui vale um adendo porque junto com a imagem do Facebook deve vir também as frases para vender no Facebook, né. Porque só a imagem não diz muita coisa, apesar de ser extremamente importante.

Recentemente, publicamos um conteúdo que fala exatamente disso, veja um trecho:

“Seja breve, claro e interessante”, alerta Mark Zuckenberg (será que foi ele quem disse isso? Bom, está lá na rede social. Vamos imaginar que sim).

O que isso quer dizer?

É um lembrete para que você tenha em conta que a quantidade de palavras do anúncio é limitada.

Uma frase que pode se aplicar aqui é:

“Acabamos de receber produtos novos! Clique para acessar nosso site e comprar agora mesmo!”.

Esta frase é um bom chamativo de clique.

Ficou interessado em conhecer mais sobre as frases persuasivas no Facebook? Leia o artigo na íntegra: Como escrever frases para divulgar produtos no Face!

A ideia da sua marca!

Existem boas plataformas que dá para usar hoje em dia.

Nelas dá para colocar um histórico e books e muito mais!

Por sinal, existem várias coisas que são de graça, algumas são pagas também.

O fato é que você consegue utilizar coisas muito legais e até misturar ideias, usar fotos da sua empresa… Só que da gente fala das ferramentas, tem algumas coisas que eu quero que você tenha em mente quando você for utilizar os templates que tem dentro dessas ferramentas.

De que maneira e como que eles são organizados?

As cores, as fotos, tudo que está ali têm a ver com a cara da sua empresa ou da sua ideia!

Às vezes você vai achar uma coisa bonita visualmente, mas ela não conversa diretamente com a ideia que você quer passar por aquele sentimento. Então, não escolha essa imagem!

Primeiro de tudo: senta e pensa em qual mensagem que você quer passar para a pessoa que estiver olhando ali para aquela foto que você vai postar!

E a partir disso você já começa a separar algumas ideias que servem para quando você estiver fazendo a sua criação – esse é o melhor teste que você pode fazer.

Pergunte-se:

– será que eu estivesse vendo isso aqui, isso me chamaria a atenção?

Se você criou, isso deve chamar a atenção em você mesmo.

O legal é que você já cria uma imagem no tamanho correto para você colocar lá.

Muitas vezes você cria algo que é grande demais ou pequeno demais e acaba ficando com uns cortes retos na lateral ou embaixo. Ou pior: acaba ficando com uma resolução muito baixa. E as plataformas evitam que isso aconteça.

Você vai ser uma coisa estática e não vai ter animação nenhuma, ok?

Só que considere que você consegue construir uma apresentação do zero.

Você vai exportar somente imagens.

Semi-pronto!

Você pode criar um e-book e você consegue criar até uma logo dentro desse site.

E tudo está ali, quase pronto para você usar.

E para você começar a utilizar na sua campanha.

Para você criar uma conta é super simples: obviamente porque você pode criar uma conta usando sua conta no Facebook, o que já é bastante comum nos dias de hoje.

Então, digamos que aquilo que você escolher vai se transformar em um post no Facebook e aí quando você acessar esse formato na parte esquerda vão aparecer várias opções de templates já prontos… É só você escolher uma delas.

A partir disso você pode começar a editar este template.

Por exemplo, uma imagem de fundo, você pode trocar por uma imagem da sua própria empresa.

Você pode digitar o texto das cores do texto, o tamanho deles e você pode adicionar outros elementos. Como, por exemplo, dentro do campo você consegue colocar formas para construir alguma coisa que ache bacana.

Então, já tem alguns desenhos que vêm prontos dentro da plataforma, sendo que a grande maioria é gratuita.

Você consegue colocar até gráfico se você quiser, tá bom?

Dá para criar, por exemplo, o infográfico.

E só resta colocar o texto adicional do que já tem dentro e fazer o upload.

Agora que você tem todas essas dicas não têm mais desculpa. Já pode para de reclamar e de ficar choramingando que você não consegue ter coisas legais para montar campanhas extraordinárias no seu Facebook.

Você tem 2 opções: continuar quebrando a cabeça e fazendo coisas mais ou menos ou usar algo que vai economizar muito tempo e vai fazer toda a diferença na hora que o conteúdo estiver misturado com aqueles outros milhares de posts lá dentro das redes sociais.

– porque ele vai fazer com que a pessoa estiver navegando por ali preste atenção em você porque isso vai ser essencialmente a diferença entre o fracasso e o sucesso do seu conteúdo.

Conteúdos interessantes!

Uma última dica para quem vai atuar no Facebook é justamente a de nunca deixar de lado a relevância dos conteúdos.

Por mais que a imagem e o título sejam importantes, o conteúdo deve agregar valor à vida do usuário que está lendo. Lembra que falamos de não perder a oportunidade? Pois é exatamente isso!

Também temos um conteúdo que foi publicado há algum tempo que fala sobre a importância disso, veja o trecho:

Porque não adianta nada você só ficar anunciando que você está vendendo um negócio… Isso é bem chato.

Então, se você só fica anunciando que vende o carro do sonho, vai ter que considerar o sonho real de todo mundo mesmo.

E aí você pode perder alguns interessados.

Porque ser que alguém não goste do carro, né.

Então, se você postar algo assim, você não vai conseguir fãs, tá?

E a sua estratégia não vai funcionar legal.

Aqui podemos citar uma regrinha que a gente chama de 80/20.

Isso quer dizer que 80% das vezes que você posta alguma coisa, você vai postar conteúdos compartilhados.

E os outros 20%, aí sim você anuncia que você vende alguma coisa!

E quando falamos de conteúdos compartilhados, considere coisas que informem as pessoas ou que ensinem coisas novas, sabe?

Hoje, essas informações acabam sempre ficando em assuntos como as fotos com frases motivacionais, as notícias sobre inovações, as novidades sobre o mercado do seu produto, etc.

Esses conteúdos é que são interessantes para quase todo mundo.

Eles são muito mais fáceis das pessoas compartilharem, justamente por ser interessante, tá?

E por mais que o seu produto em si acabe desaparecendo um pouco, considere que sua marca vai estar lá.

E aí, o resultado você sabe né: tem maior chance de mais pessoas curtirem a página.

E daí quando você sim anunciar o seu produto, naqueles 20% que falamos, todas essas pessoas que curtiram a sua página vão ver.

Então, conheça outras dicas para saber como criar conteúdos interessantes no Facebook – clique aqui.

PROPAGANDA