Veja 5 dicas para fazer o marketing digital para MEI sem gastar nada

ANÚNCIO

O MEI é o microempreendedor individual. Aqui no blog, por várias vezes, já falamos como um MEI pode trabalhar como empreendedor digital, também. Por isso, as nossas dicas de hoje são para esse profissional. Aprenda, de forma simples, como fazer o marketing digital para MEI sem gastar nada.

É claro que mais para frente, no futuro, você até pode pensar em investir em anúncios pagos para ter a sua marca estampada em alguns sites ou em eventos ou no feed do Instagram de milhares de pessoas. Mas, como sabemos que nem todos os MEIs começa a carreira com dinheiro no bolso, vamos considerar as formas gratuitas.

ANÚNCIO

A ideia é que você veja (como uma luz no fim do túnel) que dá para se tornar alguém conhecido e respeitado na internet sem que tenha que comprar milhares de fãs ou pagar por várias ferramentas digitais. A fórmula perfeita de estratégia de marketing para você, sem dúvidas, é o famoso: fazer mais com menos. E isso é possível.

As dicas para fazer marketing digital

Uma curiosidade aqui é que essas dicas realmente foram pensadas em quem é MEI. No entanto, após a revisão do texto, a gente também pode considerar que essa matéria acaba sendo de grande utilidade para as pequenas empresas, de vários segmentos, também.

1 – O marketing pessoal

Antes de pensar no marketing digital, um bom começo é pensar no marketing pessoal, que também tem um grande peso na vida de quem trabalha por conta própria. Logo, se você é MEI ou autônomo, acompanhe e grave bem essa dica.

ANÚNCIO

Como o MEI é uma pessoa física e uma pessoa jurídica ao mesmo tempo, saiba que a forma como as pessoas ou empresas veem você pessoalmente importa muito. Se você é alguém que não tem compromisso, organização ou educação, então, pode ser mal visto como MEI.

Nesse caso, a dica é simples: pense no seu marketing pessoal. Ou seja, além de criar uma rede contatos (chamada de networking) seja aquela pessoa que mostra que é um bom MEI, também, mesmo que ninguém tenha contratado o seu serviço, ainda.

2 – A presença online

Mais uma forma de marketing digital para MEI sem gastar nada é pensar na sua presença online. Ou seja, mesmo que você não tenha um único real para investir em publicidade, saiba que você tem que estar na rede. E hoje há várias formas gratuitas de fazer isso.

Por exemplo, tenha uma página. Essa página, que pode ser no Facebook ou no Instagram ou em ambos, pode servir para a divulgação do seu trabalho, para comentários de pessoas e para você começar a pensar em publicidade, no futuro, claro.

Ah, ter uma página no LinkedIn também é bacana porque essa é uma rede social profissional.

A ideia é que você crie conteúdos relevantes. Obviamente, pense no que dá para fazer por conta própria no começo. Mas, jamais peque pela falta de compromisso ou de cuidado. Um conteúdo malfeito, mal produzido ou sem qualidade vai te fazer “andar para trás”.

3 – A rede social

A gente já citou as redes sociais acima para falar sobre a presença online. Porém, a gente criou esse novo tópico para reforçar a ideia de que você tem que estar também nas redes sociais e, mais do que isso, ser participativo nela.

Então, o que se recomenda é ter uma página com todas as informações possíveis. Depois, considerar que deve marcar presença. Ou seja, participe de fóruns, de debates, de comentários, deixe curtidas, etc. Só tome cuidado para não exagerar.

Um bom começo é pensar em estar sempre dentro da sua área de atuação. E, para isso, é ideal que você conheça o seu público-alvo. Aliás, esse é o próximo tópico. Leia.

4 – O público-alvo

Sobre o público-alvo, a dica é você saber que uma boa forma de fazer marketing digital para MEI sem gastar nada é sendo conhecido no seu mercado de atuação. E como se faz isso, se você ainda não pegou clientes? Pode ser ao participar das discussões, como falamos antes.

Além disso, esteja dentro de grupos, veja as pesquisas feitas, curta as páginas do seu segmento, conheça e siga as pessoas mais influentes. Inclusive, dessa forma você acaba conhecendo mais do seu público-alvo. Aliás, para quem você está ofertando o seu serviço?

Isso vai te ajudar a conseguir explicar melhor sobre o seu trabalho, ofertar o seu serviço de forma assertiva e conseguir os primeiros clientes. Obviamente, não adianta você ser um vendedor de carros, se você fica o dia todo postando coisas só de futebol, por exemplo.

5 – O conteúdo gratuito

A última dica, mas que pode ser a que mais faça sentido para você, é sobre criar conteúdo gratuito e focar no uso do SEO. Isso porque SEO é uma técnica que permite que você se posicione bem em mecanismos de busca sem que tenha que investir dinheiro.

Por exemplo, como você está no começo da sua carreira, que tal oferecer um e-book sobre produtos? Fazer uma palestra gratuita em escolas? Ou participar de feiras livres na sua cidade? Dá para oferecer conteúdo para que as pessoas te conheçam sem cobrar nada por isso.

Atualmente, o Google é o mecanismo de busca mais conhecido e mais usado. Assim, pense também em estar bem posicionado lá. Como? Criando conteúdo de qualidade e focado em SEO. Bom, a gente termina aqui, mas abaixo temos mais dicas de SEO. Leia.

O que é SEO e como investir nisso sem gastar?

marketing digital para MEI sem gastar nada

Se você ficou curioso para entender esse lance de SEO, saiba que já falamos disso por diversas vezes aqui no blog. E pensando em você, nós separamos as matérias que mais podem ajudar:

Agora que você já viu que dá para começar a marcar presença na internet sem ter que investir um único real, o que você está esperando para começar?

ANÚNCIO