Leia essas 5 dicas para quem quer fazer marketing digital na profissão contábil

ANÚNCIO

Será que dá para investir no marketing digital na profissão contábil? A verdade é que esse tipo de marketing está em todas as áreas e profissões. Portanto, na de contadores, também. Abaixo, você vai aprender como incluir o marketing digital no escritório e na profissão.

Curiosamente, considere que a profissão contábil envolve diversos profissionais. Por exemplo, temos aqueles do serviço público, como peritos e analistas, assim como do serviço privado, como contadores e contabilidades. As dicas aqui citadas valem para ambos.

ANÚNCIO

Mas, obviamente, acaba sendo uma pesquisa muito feita pelos novos contadores, que está ingressando nesse mercado de trabalho e querem marcar presença na internet.

O marketing digital

A gente não vai ocupar muita parte dessa matéria para explicar a importância do marketing digital para esses profissionais. E nem mesmo sobre qual pode ser o benefício disso dentro do escritório de contabilidade.

Porque acreditamos que, se você está lendo esse material, é porque concorda em saber que esse tipo de marketing não é apenas uma tendência. Como também uma forma inteligente, rápida e mais barata de fazer negócios.

ANÚNCIO

Só para a gente finalizar esse tópico, vamos considerar a hipótese de ter um site para você fornecer informações aos seus clientes e futuros clientes. Além disso, dá para usá-lo para contar sobre os casos de sucesso, trazer lembretes sobre imposto de renda e muito mais.

O uso do marketing digital na profissão contábil

Sendo assim, chegamos ao ponto alto desse artigo. A nossa ideia a partir daqui é citar, para quem é iniciante, as ferramentas que podem ser usadas para que você esteja online. Ou seja, é a ideia de marcar presença na internet. Afinal, esse é o “mundo” onde todos estamos.

Para isso, separamos algumas dicas, além do blog, que já falamos acima. Você vai ver que dá para investir em marketing digital sem gastar muito e, mais do que isso, obtendo resultados incríveis. Continue lendo e veja esse bê-á-bá do marketing para contadores.

Antes de começar, saiba que cada uma das ferramentas tem suas características. E a gente só vai citar aqui um breve resumo delas. A partir disso, cabe a você buscar mais informações sobre elas, combinado?

1 – As redes sociais

As redes sociais estão aqui no topo porque são as mais simples. Inclusive, você pode usar a sua página pessoal do Facebook ou do Instagram para divulgar informações, por exemplo. Mas, se preferir separar os assuntos, também dá para criar uma conta para a empresa de graça.

O mais legal da rede social é que ela permite o tráfego orgânico (que é gratuito) e também o pago, que pode ser uma alternativa para quem quer dar o up na comunicação. Vamos falar dessa opção mais abaixo.

Para começo de conversa, saiba que a sua contabilidade e você, enquanto profissional da área, devem ter páginas criadas nas redes sociais. E lembre-se que ali é a vitrine do seu trabalho. Por isso, não exagere nas postagens, combinado?

2 – O blog

Já vamos ser sinceros logo de cara: se você sabe usar a rede social a seu favor, saiba que nem sempre vai precisar ter um blog. Que, na verdade, pode ser um grande site institucional também. Mas, se puder, tenha um porque ele será útil para hospedar artigos e conteúdo.

Como falamos, o site pode ser um complemento a sua rede social. Enquanto a página do Facebook servirá para compartilhamentos, curtidas e comentários, o seu site vai hospedar livros, e-books, vídeos maiores, planilhas, etc.

3 – O e-mail marketing

Outra ferramenta, mas agora imprescindível, para quem está querendo fazer marketing digital na profissão contábil é o e-mail marketing. Claro que ele é uma extensão do e-mail. Já vamos explicar. Veja: o e-mail é o seu endereço eletrônico, para contato direto com clientes.

Enquanto isso, dá para usar a sua lista de contatos (chamada de mailing) para enviar informações importantes. Pode ser sobre o lembrete da declaração do imposto de renda ou uma mensagem de natal. Entre tantas outras comunicações importantes.

A boa notícia é que essa é uma ferramenta que permite acessos e serviços gratuitos, além de chegar diretamente ao seu cliente. O segredo é ter conteúdos relevantes.

4 – O Google Meu Negócio

Essa dica também não é das mais “mortais”. No entanto, é aquela que pode fazer a diferença para quem está começando. O Google Meu Negócio permite que você esteja localizado em páginas e ferramentas do Google, como o Maps, o navegador, entre outros.

E isso é bom? Isso é ótimo porque o Google é hoje a maior empresa de buscas do planeta. Logo, se você está no Google, saiba que é bom. Além disso, esse é um serviço gratuito, o que acaba por ser vantajoso por mais um motivo.

No Meu Negócio você pode fazer várias coisas. E se você quer saber mais sobre ele, considere que temos uma matéria perfeita para você, onde citamos alguns bons motivos para fazer o cadastro da sua empresa na ferramenta. Leia.

5 – Os anúncios pagos

Como já mencionamos, é possível fazer marketing digital na profissão contábil sem precisar pagar nada. Por outro lado, fazer anúncios pagos tem as suas vantagens também, como o fato de chegar a um maior número de pessoas.

A gente não vai explicar exatamente como fazer isso. Porém, se você tem o interesse, comece por pesquisar expressões como “Facebook Ads” e “Google Ads”. São maneiras simples de fazer essas propagandas pagas e direcionadas para um determinado público.

Outras ferramentas do Google

marketing digital na profissão contábil

Para fechar a matéria, saiba que temos aqui mais uma boa dica de leitura extra. A gente fez um conteúdo citando algumas ferramentas do Google que são ótimas para quem está começando a vida na internet. Quer saber quais são? Leia essa próxima matéria.

ANÚNCIO