Veja como ganhar dinheiro na internet sem investir em tráfego pago

Este conteúdo não é para todo mundo, infelizmente.

O conteúdo foi criado especialmente para quem tem um e-commerce.

E quer vender mais sem ter que investir horrores em tráfego pago.

Então, tem um e-commerce e quer ganhar dinheiro na internet sem investir? Leia!

Que fique claro: não vamos operar milagres aqui, tá bom?

O foco é mostrar alternativas de como é possível realizar vendas no seu e-commerce…

  • Sem ter que investir dinheiro em tráfego pago…
  • E sem ter que fazer publicidade…
  • E sem ter que comprar mídias…
  • E todo esse tipo de coisa!

O que separamos aqui foram 3 formas de realizar vendas conscientemente, tá ok?

Até poderíamos ter selecionado mais alternativas, só que a nossa ideia é mostrar apenas as fontes confiáveis, isto é, que trazem sustentabilidade para o seu negócio.

São maneiras para você escalar… Ou seja, gerar vendas conscientemente.

1 – Market Place

A 1ª forma de você conseguir realizar vendas sem precisar investir dinheiro em tráfego e sem precisar comprar mídia é através de Market place.

Para quem não sabe – Market place é um portal de e-commerce colaborativo, isto é, um shopping virtual com níveis de acesso para consumidores e lojistas.

Então, o ideal é você buscar os Market Places que tem a ver com o seu produto, isto é, que sejam do mesmo segmento.

Como não é pago, você já pode buscar essas alternativas e começar a cadastrar produtos sem precisar gastar um único real.

Agora, o segredo é entender que dentro dessas plataformas você vai precisar seguir algumas estratégias, que nada mais são do que técnicas de como cadastrar o produto de forma efetiva.

Isso é importante para você poder posicionar seus produtos no ranking (nas buscas) desses market places.

E assim você consegue ficar bem posicionado para realizar vendas sem gastos!

Ah, você ainda não se ligou quais são ou o que são os Market places? Bom, vamos colocar os pingos nos is agora mesmo…

Mercado Livre, Elo7, Enjoei, entre muitos outros.

Citamos esses 3 para você entender que existem plataformas que são completamente diferentes, sendo que mudam não apenas conforme o segmento, mas na forma de anunciar produtos também.

Portanto, ainda que existem vários, nós vamos explicar cada um desses 3 apenas para você entender como um Market place pode te ajudar nas vendas do seu e-commerce, beleza?

I – Mercado Livre

O Mercado Livre é um Market place generalista, assim você consegue vender de tudo lá… De tudo mesmo: roupas, eletrônicos, joias, etc.

Mas, obviamente o produto que vai colocar lá dentro precisa ter demanda.

Resultado: procure saber se já existem pessoas vendendo o produto que quer vender lá.

E procure saber também o volume de venda deles.

Como ter essas informações?

Fazendo uma busca no mercado livre pelo seu produto:

  • Você vai encontrar uma listagem com vários anúncios.
  • E embaixo dos anúncios têm a quantidade de vendas que foram efetuadas.

Esse é um bom caminho para você saber se existe demanda por seu produto lá dentro.

Portanto, o Mercado Livre é uma forma de vender e ganhar dinheiro na internet sem investir em tráfego pago.

II – Elo7

O Elo7 é um canal de venda bem interessante para quem trabalha com artesanato.

Para quem não sabe – artesanato são produtos feitos à mão.

Eles estão na moda devido à sua beleza, cuidado, preço e porque está na contramão do mercado.

São objetos retrô, já que hoje em dia só se fala em tecnologia e industrialização.

Bom, vamos deixar as qualidades para depois e focar na plataforma.

Se você tem uma confecção própria e manual deve considerar vender no Elo7.

A boa notícia é que você consegue entrar lá sem investir dinheiro.

O que você vai precisar é de tempo, né.

Isso porque existe um cadastro individual de cada produto.

Mas, costuma valer a pena já que você não vai precisar comprar mídia ou gastar dinheiro com o tráfego pago ou orgânico.

Esse é um bom canal para você começar se você está sem dinheiro para investir em publicidade e trabalha com produtos manuais.

III – Enjoei

O outro market place é o Enjoei.

Se você não conhece, saiba que ele é bem focado em moda.

Assim, dá para você vender de tudo lá dentro também.

Só que nem tudo tem demanda, sacou?

O ideal mesmo é o segmento da moda.

Você tem alguma roupa usada ou nova? Podem ser roupas de todo tipo e dá para ganhar dinheiro online no Enjoei.

E a ideia também é a mesma: cadastrar cada peça para vender lá dentro sem investir.

Atenção aos Maket Places!

Bom, seríamos muito injustos se não falássemos disso aqui…

Ainda que você não tenha que investir nada para gerar tráfego nessas opções, você precisa pagar uma comissão a elas quando você realiza uma venda.

Então, na hora de cadastrar o preço do produto, pense muito bem nisso.

O jeito certo é avaliar qual é o condicionamento do tipo de anúncio.

Tente sempre colocar essa margem dentro do seu preço e dentro do seu lucro, tá bom?

Isso é importante para que você consiga vender e concluir a transação com lucro – e sem prejuízos.

Agora, vamos para a 2ª forma de como você pode realizar vendas no seu e-commerce sem precisar investir dinheiro!

2 – Redes Sociais

Quando falamos em Redes Sociais podemos abordar várias plataformas, mas hoje vamos focar apenas no Facebook, que tem sido uma ótima alternativa para ganhar dinheiro na internet.

No Face você pode começar a falar sobre o assunto que envolve o produto.

Por exemplo: se você trabalha com produtos que são artigos esportivos, o ideal é começar a falar muito sobre o esporte, isto é, sobre a prática de esportes.

Ou ainda sobre equipamentos para esporte.

E esse conteúdo que você está criando é muito importante porque você começa a gerar contexto com o seu produto – de graça!

O ideal é você ficar escrevendo isso no seu perfil com certa frequência, beleza?

E depois você pode criar uma fanpage também.

Isso é para que o seu negócio crescer e ter uma cara mais profissional, sabe?

Você também pode procurar grupos da sua área, do seu segmento.

Existem centenas de grupos dentro do Facebook de pessoas que estão procurando os mesmos assuntos que você.

Considere que estamos falando de conteúdos relacionados ao seu nicho de mercado…

E não diretamente ao seu produto, está bem?

Foque sempre no contexto que gira em torno do seu produto.

Por exemplo: uma pessoa às vezes está procurando por alguma coisa relacionada a um tênis de corrida dentro de um grupo para a corrida que não necessariamente é um grupo criado para falar de tênis.

Entendeu a lógica disso?

A área é esporte, que é corrida e no fim das contas aparece o tênis…

Só que o tênis nunca foi o foco!

E se lá existem pessoas falando de tênis de corrida, quer dizer que você pode aparecer como sendo especialista desse assunto!

E como estamos falando sobre vender na internet sem investir dinheiro, temos que citar um conteúdo muito bom que escrevemos há pouco tempo:

– “3 Técnicas Gratuitas para Vender nos Grupos do Facebook

Porque você já se perguntou como que você pode usar estratégias de vendas para aumentar o seu lucro dentro do Facebook? É sobre isso que o texto fala.

Inclusive, levamos em conta também o fato de não precisar gastar dinheiro inicialmente com isso.

Apenas para aguçar a sua curiosidade, uma das técnicas que citamos é a de observar e saber usar corretamente a linguagem do seu público.

Confira o trecho:

Você não vende da mesma forma para uma senhora e para um jovem.

Para você vender a jovem, a sua linguagem deve ser com palavras mais atuais e muita tecnologia, tudo de forma acelerada.

Para uma senhora, isso já não daria tão certo assim.

Isso porque o ideal poderia ser você falar de uma forma muito mais pausada, com um linguajar mais adequado.

Ou seja, você deve conhecer o vocabulário do seu público alvo ou a forma de falar, com gírias.

E também a forma de pensar da sua audiência!

Da pessoa com quem você está conversando.

Isso vai atrair muito mais a atenção dela e isso vai aumentar a conexão entre vocês também – logo, vai aumentar as suas chances de vender mais”!

Leia o conteúdo na íntegra!

3 – SEO

A 3ª forma para ganhar dinheiro na internet sem ter que investir dinheiro no e-commerce é usando as técnicas SEO.

Agora, atenção atenção e atenção!

Essa é uma técnica pensada no médio e longo prazo, está bem?

Se você tem pressa, com certeza, ela não é a ideal para você.

Essa técnica é para você que vai começar a realizar vendas daqui a alguns meses e anos.

E quanto mais tempo passar, melhor vai ser a indexação do seu site.

Isto é mais bem posicionado você vai ficar.

Como a gente costuma chamar as técnicas que a gente implanta no site para poder posicionar muito bem o site? SEO!

Isso tem a ver com o sistema de busca.

Então, assim, ainda que não gaste nada para isso, você pode estar posicionado nas primeiras páginas do Google, do Yahoo, do Bing.

E sim, consequentemente, isso vai te gerar mais vendas online.

O mais correto é você usar algumas técnicas para poder otimizar as páginas do seu site.

E, logicamente, os produtos também.

Isso passa desde a criação das categorias, a homepage do site, uso de imagens…

E tudo mais que é importante para poder posicionar o seu site!

Uma palavra-chave é muito importante para o ranqueamento das pesquisas do Google, por exemplo.

Ainda não está entendendo? Vamos explicar porque é bem fácil de entender.

Você vende tênis não é mesmo?

Se você conseguisse criar um conteúdo que tivesse a palavra-chave “tênis para corrida” nas primeiras páginas do Google, não acha que isso te ajudaria a vender?

Claro que sim… E o melhor é que isso pode ser gratuito já que não é um tráfego pago.

O seu custo é para criar o conteúdo, apenas.

E aqui a questão é sobre como criar conteúdos de qualidade para estar bem posicionado nos mecanismos de buscas, como o Google!?

Para não te deixar na mão, nós separamos um conteúdo especial sobre isso!

Técnicas SEO para ter um site ranqueado no Google

Esse é um artigo que foi criado há uns 6 meses e nunca deixou de ser importante.

A nossa ideia que surgiu em um briefing foi a de ter um conteúdo que mostrasse como é importante investir nos resultados orgânicos, isto é, que não tem custos iniciais.

Porque existem muitos empreendedores que começam um projeto e acabam tendo dificuldade para investir muito dinheiro no começo.

Então, o melhor de tudo é que existem maneiras de vender na internet sem ter que pagar caro por isso, aliás, dá para vender online sem ter custos iniciais.

Nesse artigo que fizemos, conseguimos separar apenas 17 das mais de 200 técnicas que existem para ter um site favorável e sustentável para ranqueamento do Google.

Uma dessas técnicas é a otimização das imagens, por exemplo:

O Google olha uma imagem através dos seus elementos textuais. Portanto, atente-se ao título da imagem com esses 3 elementos:

I – Nome do arquivo (palavra chave separada por hifens)

II – Texto alternativo (para os leitores deficientes visuais, para imagens quebradas)

III – Tamanho da imagem (imagens pesadas comprometem o carregamento da página)”.

As vezes nem notamos o tanto de detalhes que podem fazer a diferença no nosso site.

E as imagens é apenas um desses detalhes.

Se você quiser conhecer as outras 16 técnicas que pode aplicar de forma simples e prática, sem custos, no seu site, clique aqui e leia o artigo completo!

Da redação

Add Comment