Ferramentas de Remarketing – o que é e como usar!

O remarketing, as ferramentas de remarketing… O que é isso, o que é tudo isso e para que serve? Mesmo que você já tenha ouvido falar, pode ser que algo não tenha ficado muito claro, não é mesmo?

Outra grande questão é saber o que fazer com isso e como isso tudo funciona!

Afinal, como é que você pode fazer para usar o remarketing a seu favor e conseguir aumentar as suas vendas, ter mais engajamento com o seu público e melhorar a sua marca?

Para saber isso só tem um jeito: estudar.

E essa é a ideia deste artigo: disseminar e trocar informações acerca do tema do Remarketing e das Ferramentas de Remarketing!

Depois de ler o conteúdo, considere que será possível tirar proveito disso no seu negócio, independente de qual área você atua.

A Taxa de Conversão

O objetivo e o conceito de remarketing é um dos pontos mais difíceis de explicar hoje em dia porque existem muitas definições e avaliações.

Portanto, antes de falarmos disso, considere entender o que é a Taxa de Conversão: é a relação entre as pessoas que entram no seu site e aquelas que de fato compram alguma coisa no seu site.

Essa é mais fácil de entender, né?

Então, se a média da taxa de conversão no Brasil é de 1%, isso significa que a cada 100 pessoas que vão entrar no seu site, 1 vai comprar alguma coisa e outras 99 não vão comprar nada!

E a grande questão a ser estudada aqui é sobre o que você pode fazer para poder fazer com que essas 99 pessoas voltem para o seu site para comprar.

O fato é que eles podem ter interesse em comprar o seu produto, só que ainda não estão preparados para isso.

Talvez, a oferta não fosse boa o bastante para eles tomarem uma decisão de compra rápida.

Isso quer dizer que agora eles podem decidir por não comprar, mas lá na frente podem sim comprar o seu produto!

Vale a pena entender que eles têm a opção de comprar o produto depois e não, necessariamente, agora.

Só que o que pode acontecer também é que quando eles forem comprar eles nem lembrem mais da sua loja…

Aí eles vão lá ao Google e pesquisam os produtos iguais e acabam encontrando melhores condições em outro ambiente, concorrente ao seu.

Então, por isso e por outros motivos também, é importante você entender o que é remarketing e como você consegue aplicar isso. Tá bom?

Remarketing – o que é isso?

O remarketing é uma estratégia de marketing!

Então, vamos por partes.

E como o nome diz, ele tem a função de “reimpactar” as pessoas que já chegaram à sua loja.

Portanto, eles foram impactadas inicialmente e chegaram até o seu site. Agora, precisam ser impactadas novamente para comprar – isso é o remarketing.

Inicialmente, o marketing aconteceu por uma propaganda, por uma oferta, por uma demanda, panfletos… De alguma forma eles chegaram até você.

Isso quer dizer que eles já tiveram contato com a sua marca.

O seu trabalho agora é fazer com que, no futuro, eles retornem à sua loja – esse é o trabalho do remarketing.

Esse retorno à loja pode significar uma compra!

O fato importante é que com isso você consegue trazer de volta uma parte dos clientes que estão interessados, mas não fizeram as contas.

Assim, você consegue aumentar a sua conversão com as campanhas de remarketing.

Que, geralmente, são campanhas de conversão bem mais altas do que as campanhas gerais.

Então, conclusão da ópera:

  • Você consegue aumentar a conversão e
  • Você consegue aumentar o teu faturamento…

Justamente quando faz o bom uso do remarketing.

Brevemente, entenda que quem não faz o remarketing está deixando o dinheiro na mesa.

Entende?

Se você não aposta nisso, considere que você está deixando ir embora as pessoas que têm interesse em obter um produto, mas não estão preparadas para comprar agora.

O que vai acontecer é que elas vão tomar a decisão de compra daqui a 2 dias, daqui a 5 dias, daqui a 1 semana, daqui a 14 dias…

E você vai acabar perdendo essa compra.

Então, você tem que fazer remarketing e tem que continuar impactando as pessoas pelos próximos 7 ou 14 dias – no mínimo.

Remarketing – como funciona?

Está bem, você entendeu a importância do remarketing, mas como é que isso funciona tecnicamente? Como é que você vai fazer isso no seu negócio?

É o seguinte!

A gente tem algumas páginas que existem dentro do seu site, não tem?

Vamos lá:

  • A home page do site,
  • A página principal,
  • A página dos seus produtos,
  • A página das categorias,
  • Os carrinhos,
  • O checkout – e por aí vai.

É importante considerar isso para gente conseguir fazer o remarketing.

O que acontece aqui é que a gente precisa de anúncios.

Então, o remarketing é anúncio!

Especialmente, para quem já teve algum impacto com a sua marca, tá bom?

Se essa pessoa já teve algum impacto dentro do seu site ou já teve algum comportamento dentro do seu site, tudo toma proporções diferenciadas.

E para isso a gente precisa de redes de anúncios.

De fato, podemos listar 2 delas!

Mas, vamos falar aqui de 2 que são as mais conhecidas, combinado?

Ferramentas de Remarketing

2 Ferramentas de Remarketing

Então, a gente vai falar dos famosos Google Adwords e do Facebook Ads!

– No final do artigo teremos um bônus sobre o Facebook Ads!

E Leia Também Agora: 4 macetes do Facebook para ganhar dinheiro investindo pouco

O Google Adwords funciona integrado com o Google Analytics.

E dentro da aba administrativa em uma área que é o remarketing.

Você vai ativar o remarketing dentro do Analytics, sacou?

Com isso, ele vai estar ativo dentro do Adwords, que funciona com o analytics – eles têm um código dentro do seu site.

Você pode instalar um código lá dentro de todas as páginas do seu site e ele vai começar a monitorar as pessoas que chegam no seu site.

Ele vai monitorar tudo.

Já o Facebook Ads, ele não é automático!

Existe um código lá dentro do gerenciador de anúncios chamado Pixel do Facebook!

Então, você tem que pegar esse pixel e instalar ele no seu site.

Ah, fique tranquilo que isso é bem simples!

Dessa forma, você ativa o remarketing do Facebook dentro do teu site e ativa pelo menos a parte técnica dele, tá bom?

Vai anunciar no Facebook Ads? Não cometa esse erro!

Os Públicos do Remarketing

Qual é o próximo passo?

Tanto dentro do Adwords quanto dentro do Facebook, a ideia é você entender que eles vão criar os públicos de remarketing!

Dentro do Facebook tem o gerenciador de anúncios.

E lá tem lá públicos.

E tem uma aba chamada públicos no Adwords também.

Isso funciona em outro lugar, porém.

Essa aba se chama Biblioteca Compartilhada.

Lá dentro da biblioteca compartilhada você consegue criar os públicos também.

E quais públicos são esses?

Você vai criar o público conforme quem acessou a sua home page.

  • O público de quem acessou os produtos
  • O público de quem acessou as categorias
  • O público de quem acessou o carrinho
  • O público de quem acessou o checkout
  • E também o público de quem abandonou checkout

Então, são públicos diferentes, fácil entender isso, não é?

Um para cada tipo de coisa.

Isso não significa que você vai usar todos, obviamente.

Para que serve o Marketing de Conteúdo para o seu negócio?

ATENÇÃO – O Prazo!

E aqui tem outro ponto extremamente importante.

Quando você cria o público, você será perguntado sobre o prazo.

Por quanto tempo você quer manter essas pessoas na lista?

É o prazo do público e, claro, cada público tem um prazo.

  • O que significa isso?
  • Quanto tempo?
  • Como é que funciona?

A pessoa vai entrar no seu site, o pixel vai estar lá, o pixel vai marcar essa pessoa e vai colocar ele dentro de um desses públicos.

O prazo determina por quanto tempo ele fica lá.

Então, você define isso!

A nossa dica é você usar sempre o prazo de 14 dias.

Feito isso, aí é só começar a rodar mágica!

A Mágica das Campanhas do Remarketing

Você vai criar campanhas e criar anúncios para exibir para esses públicos.

E adivinha o que converte mais?

O carrinho!

Tem um anúncio de cupom de desconto para quem já visitou o seu caminho?

Crie um anúncio de uma oferta irresistível para quem já visitou as páginas de categoria e de produtos!

Só que não adianta você criar anúncios de fogão para quem visitou geladeira, tá bom?

Não adianta você querer criar anúncio de camisa do Flamengo para quem visitou a camisa do Corinthians… Não adianta!

Então, procura criar um público de quem visitou um produto específico e uma campanha que seja segmentada para esse público.

Simples, não é?

Se você fizer isso que estamos falando aqui, você consegue bons resultados em apenas 1 hora, na média.

Você vai conseguir aumentar o faturamento do negócio sem exagero, tá?

Em quanto? Sei lá, talvez em 30%.

E aí, acha que vale a pena ou não investir no remarketing?

E afinal, você sabe…

Quantos clientes é preciso para o sucesso no marketing digital?

Bônus sobre o Facebook Ads

Muita gente busca na internet o que é Facebook Ads.  Se você quer mais detalhes sobre o que é e como funciona, você vai poder tirar suas dúvidas lendo esse artigo até o final.

Aqui em nosso grupo empresarial, a gente usa o facebook ads constantemente.

E eu quero te falar exatamente para quê e porquê que a gente usa.

O Facebook Ads é uma ferramenta no qual você pode criar anúncios.

A palavra “ads” representa “advertising”, que significa essencialmente anúncios.

Esses anúncios, atingem as pessoas e geralmente levam para páginas que você pode escolher.

Por exemplo: se você está vendendo um produto, você leva as pessoas a essas páginas e elas podem comprar ou não.

O facebook ads, é uma plataforma que vai te permitir vender para pessoas, alcançar pessoas, etc.

Com esse dinheiro que você conseguir através da venda, basta apenas continuar a realizar esse ciclo. Talvez até mesmo um ciclo infinito…

O facebook ads funciona muito bem, se você souber usar da maneira correta.

Ele funciona como literalmente uma ferramenta de marketing.

Uma ferramenta para você colocar ali a sua mensagem na frente das pessoas.

Eu acredito, que se você ainda não está no facebook ads, você deveria estar o mais rápido possível.

Principalmente se você quer ter um produto que venda bem ou possui uma marca bem reconhecida também no mercado.

Se você quiser aprender mais sobre o assunto, eu te convido a você se inscrever no meu Canal do Youtube.

Lá, a gente fala um pouco sobre facebook ads e sobre as campanhas que estamos fazendo…

A gente tem uma meta de investimento de 1 milhão em mídia, em tráfego pago, por mês.

Nesse processo de compra de mídia, parte disso é investido no facebook, embora existam outras plataformas.

Se você gostou desse artigo, aproveite também para deixar um comentário.

Quer saber mais sobre o Facebooks Ads? Veja o vídeo abaixo:

 

7 Dias no Facebook Ads?

A verdade absoluta disso é que você tem que testar, mas podemos estar sempre buscando insights que vão ajudar a gente a de fato encontrar novos testes para fazer, mas de fato dar atenção.

Porque às vezes um teste que você fez em outra conta pode ter fatores que influenciaram, então o Rafa conseguiu fazer testes de otimização, dando foco para 7 dias, de acordo com a nossa gerente de contas, o Face com a informação de 7 dias acumuladas.

Ter mais dados para você entregar mais anúncios, se você fez algum teste de 1 dia contra 7 dias lá no Facebook e deu resultado de 1 dia, eu recomendo você refazer isso, porque pode ter sido outros que influenciaram, mas refazer isso, tentar os 7 dias e postar aqui em baixo os resultados, para fazermos algo mais colaborativo também.

Espero que você invista muito em anúncio no facebook, é uma fonte de tráfego extremamente boa para a gente aqui, Facebook alcança se eu não me engano 75/80% da população Brasileira conectada na internet.

Para ler a matéria na íntegra, acesse!

Da redação

Add Comment