5 etapas do Plano de Marketing que você tem que Saber hoje!

O plano de marketing de uma empresa é um dos pontos que pode fazer toda a diferença na hora de levar um empreendimento ao sucesso ou ao fracasso. Mas, você sabe quais são as principais etapas do Plano de Marketing?

Nós selecionamos aqui 5 etapas do Plano de Marketing que você precisa saber ainda hoje se quiser ir para a parte que corresponde ao sucesso do seu negócio.

O que você ver aqui não é nada mais do que assuntos que já apareceram nas suas conversas ou nos textos que você leu sobre como lucrar mais a cada dia: estratégia, foco e resultados!

Isso tudo porque as etapas do Plano de Marketing que você vai descobrir abaixo são assuntos imprescindíveis para quem quer ter uma estratégia de crescimento do negócio, independente da área ou do segmento.

De forma bem simples e resumida, é o seu Plano de Marketing que vai dizer quem é o seu público-alvo, como é que você vai chegar até esse público e o que você tem que fazer para garantir que os clientes comprem seus produtos.

Basicamente, isso ainda tem a ver com descrição do seu mercado, seus objetivos e quais os melhores meios para que você tem ao seu alcance para usar o marketing para atender aos anseios dos seus clientes.

No entanto, essas simples Etapas do Plano de Marketing não precisam ser um bicho-de-sete-cabeças. Ele pode ser simples e totalmente eficiente.

E antes mesmo de chegar até o típico que vai listar essas etapas, considere um pequeno glossário sobre o que vamos falar aqui e que tem tudo a ver com o marketing digital.

  • Objetivo – Aumentar o número de vendas do seu negócio
  • Estratégia de Marketing – Focar em novos segmentos de mercado
  • Plano de Marketing – Desenvolver campanhas de comunicação
  • Ação de Marketing – Lista de transmissão no WhatsApp, por exemplo

As 5 principais Etapas do Plano de Marketing

O Plano de Marketing vai te mostrar as táticas de marketing, incluindo os objetivos de marketing, a definição de persona e o mix de marketing.

Vamos ver cada uma delas com mais detalhes.

Entenda, por exemplo, que a estratégia de marketing explica o que você deseja alcançar, isto é, quais são os seus objetivos e metas.

É através da definição da estratégia que você entende onde seu negócio se encontra hoje e onde você pretende chegar no futuro.

Por fim, o Plano de Marketing vem somente depois da estratégia.

Por isso, é importante conhecer a diferença de conceitos, pois sem a estratégia não existe razão para você gastar seu tempo produzindo um plano de marketing. Tá bom?

1 – Objetivos de Marketing

A 1ª das Etapas do Plano de Marketing tem a ver com os objetivos.

E isso é bem fácil de entender porque basta você se perguntar o que te motiva a estudar cada vez mais o marketing digital em busca do lucro.

Algumas das opções mais comuns de objetivos de marketing são:

  • Aumento das vendas
  • Reconhecimento de marca
  • Reconhecimento de produtos ou serviços
  • Ampliação da atuação online na internet

Algumas empresas e personalidades do marketing digital gostam muito de falar do tal do “Metas Smart”, que é uma sigla que indica: específica, mensurável, atingível, relevante e temporal.

Então, mesmo que você não conheça a fundo dá para considerar o princípio da “Meta Smart” para definir seus objetivos e também as suas metas.

Afinal, se até mesmo na vida pessoal devemos ter objetivos, o mesmo vale para a sua empresa, para o seu negócio.

2 – Perfil do Público Alvo

A definição da persona pode ser vista como uma representação do seu público, aquele que seria o seu cliente ideal. E essa é a 2ª das Etapas do Plano de Marketing.

Dessa forma, ela vai considerar todas as características que seu cliente tem, como: desejos, medos, objetivos, hobbies, interesses, relação familiar, faixa salarial, entre outras informações.

Obviamente que quanto mais detalhes você tiver, melhor será.

Quer um exemplo muito simples e real? Pense em quando nós compramos um presente para alguém. Diga: o que você considera?

Quase sempre nós imaginamos todos os traços para definir qual seria a escolha ideal para aquela pessoa. O que ela gosta, de qual cor, formato, tipo!

Da mesma forma, você deve conhecer a sua audiência de maneira bastante individualista e focada para que ofereça um produto que ela deseje e que realmente vai ajuda-la a resolver os seus problemas.

Então, foca em mais essa das Etapas do Plano de Marketing: quando você conhece cada detalhe do seu público, fica muito mais fácil oferecer uma solução que realmente faça sentido para eles.

E aí… Você vende mais, lucra mais, tem mais sucesso no seu negócio!

Agora, um último argumento interessantíssimo desse tópico é sobre a comunicação. Considere que para ter a melhor comunicação possível com a sua audiência, você precisa entender como pensa o seu público.

O ideal é você saber como ele pensa, sente e reage a tudo.

Por isso, você precisa identificar a sua persona. E fim de papo – por enquanto.

3 – Jornada de Compra ou Jornada do Consumidor

Uns falam em jornada de compra e outros em jornada do consumidor, aqui não vai importar muito a forma como você fala e sim como você usa isso como sendo uma das Etapas do Plano de Marketing que toda empresa deveria ter.

Nessa Etapa do Plano de Marketing, você irá desenhar a jornada de compra ideal do seu consumidor, buscando os principais detalhes de quais serão as ações para fazer com que o consumidor passe por todas elas seguidamente.

Então, quais são os passos dessa jornada? Podem ser vários, como: Atenção, Apelar, Perguntar, Ação e Advogar.

Considere e não faça vistas grossas para o fato de que os consumidores estão atentos a diversas marcas ao redor de todo o mundo e que chegam até ele através das Estratégias de Marketing!

O que conta também são as experiências anteriores e os benefícios da marca.

Estudos mostram que esses consumidores são impulsionados pela curiosidade e passam a pesquisar as marcas que mais atraem sua atenção.

Eles perguntam, por exemplo, sobre os produtos para amigos e também para familiares, buscando informações na mídia e até diretamente com a marca!

Esse conjunto de ações que tornam o cliente ativo é que faz com que esse processo não seja mais individual e sim social – justamente porque envolve outras pessoas.

Dicas Rápidas para a Jornada do Cliente

Um dos primeiros pontos que devem ser considerados aqui é exatamente sobre a sua ação, que deve integrar os meios online e off-line.

Por quê?

Ao mesmo tempo em que estão olhando produtos nas lojas, os consumidores fazem buscas em seus celulares para terem mais informações e mais especificas também.

Isso acaba aumentando ainda mais a importância da presença das marcas nos canais mais importantes e mais usados hoje em dia, como as redes sociais.

O que é possível concluir nessa Etapa do Plano Marketing, portanto? As marcas precisam usar o gatilho da curiosidade com seus potenciais consumidores!

Isso para que eles comecem uma conversa com os outros consumidores.

Logo, para que o processo de compra continue, a aprovação dos outros usuários e consumidores passa a ser fundamental.

Agora, outro ponto importante dessa etapa da jornada do cliente é sobre a fidelização.

Para que a fidelização aconteça e seu consumidor se transforme em um verdadeiro “advogado” da sua marca, o seu produto ou serviço precisa ser muito mais que satisfatório.

Ele tem que gostar, tem que se satisfazer, tem que aprovar muito mesmo!

O seu produto/serviço precisa proporcionar uma experiência diferenciada e surpreendente durante toda a jornada de compra!

Por isso, você precisa detalha-la em seu Plano de Marketing.

4 – Mix de Marketing

Essa é uma das etapas mais importantes do seu Plano de Marketing.

É aqui que você define as variáveis que podem ser controladas por você ou até mesmo pelo departamento de marketing da sua empresa…

Já que o foco é gerar o desejo de compra na sua audiência.

Se você trabalha exclusivamente com produtos, poderá pensar em outro princípio que é usado no mercado de marketing digital. Os famosos 4 Ps.

– Produto, Preço, Promoção e Praça.

Caso você trabalhe com serviços, acrescente mais 3 Ps a seu mix de marketing.

– Pessoas, Processos e Prova Física.

Agora, uma dica é que você precisa levar em conta as atividades que são relevantes em seu negócio. Lembre-se também de considerar sua estratégia de marketing digital.

Portanto, seja qual for sua Estratégia de Marketing Digital procure se diferenciar dos seus principais concorrentes.

E deixe muito claro o porquê a sua persona deve preferir sua solução e não a do concorrente!

5 – Plano de Ação

Com base nas definições anteriores, chegamos a última das Etapas do Plano de Marketing que vamos citar aqui.

Mas, continue lendo que ainda tem muito conteúdo bom a seguir!

Uma dica é que você precisa criar uma lista que vai entre 5 a 10 ações de marketing para colocar os seus objetivos em prática.

Essa é uma estimativa, que pode ser usada para começo de conversa.

Todas essas atividades precisam estar embasadas no seu mix de marketing, definido no ponto anterior.

E é importante para garantir que aquilo que você está colocando em prática está alinhado ao objetivo do seu plano de marketing.

Inclusive, com os seus ideias de marketing digital, o que acaba por evitar desperdícios de recursos e gera, sucessivamente, a economia de dinheiro.

O que fazer no seu plano de ação?

Detalhe as atividades!

Você pode ter, por exemplo, um responsável por cada uma delas e analisar quais as suas expectativas ao realizar ações e quais as métricas também.

Abaixo, temos um bônus sobre as métricas – não deixe de ler!

Outra dica rápida é: não deixe de listar as ações alternativas, pois como o mercado está cada vez mais dinâmico, com muitos imprevistos, pode acontecer de uma hora para outra você ter que fazer mudanças de planos!

Isso, consequentemente, aumenta a necessidade de um Plano de Marketing Flexível, especialmente se você está começando agora.

Bônus: As Métricas

O que vamos falar aqui não é necessariamente uma das Etapas do seu Plano de Marketing, mas tem a ver com elas.

O foco deste tópico será o controle de orçamento e também a definição de métricas

Você precisa definir, com antecedência, quanto você deseja gastar nas ações prioritárias do seu Plano de Marketing Digital no período de um ano.

Logo, ter um orçamento financeiro definido irá garantir que você não ultrapasse os investimentos e acabe gerando prejuízos para o seu negócio.

Afinal, nosso foco é justamente o contrário: aumentar as vendas e diminuir os custos!

Além do orçamento, estabeleça também os prazos de duração para todas as ações e o custo estimado de cada uma delas.

Cada item que você anotar precisará ser estudado para saber exatamente o que está dando certo e o que não está. O que precisa mudar e o que precisa continuar!

Outra coisa: documente tudo que for possível, pois se você controla, fica mais fácil avaliar os resultados.

Para controlar a eficiência do seu Plano de Marketing, tenha metas claras e KPIs bem definidas.

O último conselho aqui deste conteúdo é o seguinte…

Esse plano de marketing nunca acaba!

E deve estar em constante mudança, exigindo que você revise e atualize sempre que necessário para se manter no caminho do crescimento exponencial.

O marketing é digita, por isso, não para nunca. Ele se atualiza, se modifica e muda de rota. Quanto mais você entender os processos, melhor vai se adaptar a cada nova oportunidade de lucrar na internet.

Da redação

Add Comment