Entenda como montar um perfil bom no LinkedIn

Você tem muitas dúvidas a respeito de como utilizar o LinkedIn? Então saiba que está no lugar certo. O LinkedIn é uma rede social profissional muito diferente de outros portais de emprego por aí. No entanto, não é nenhum bicho de sete cabeças e nós vamos explicar os motivos.

O LinkedIn serve para a procura de empregos, mas também existe a possibilidade do relacionamento com outros profissionais da sua área. Então, independente se você tem um emprego ou não, o LinkedIn pode trazer benefícios para a sua jornada profissional como um todo.

Ele propicia o networking, parcerias, troca de informações e muitas outras coisas. Saiba que muitas empresas utilizam o LinkedIn para fazer uma busca de profissionais. Uma conta no LinkedIn abre portas, por conta daquele velho ditado: “quem não é visto, não é lembrado”.

perfil no linkedin
Foto: (reprodução/internet)

Então, se você busca uma recolocação profissional, uma nova oportunidade de trabalho e expansão do seu relacionamento com profissionais da sua área, o LinkedIn é para você. Conheça mais sobre a plataforma.

Como funciona o LinkedIn?

Como falamos anteriormente, o LinkedIn é uma rede social profissional. Então, para criar um perfil na plataforma, basta acessar o site e fazer o seu cadastro. Você pode utilizar o LinkedIn no seu computador ou celular, já que a plataforma disponibiliza um aplicativo.

PROPAGANDA

Todos os serviços do LinkedIn são gratuitos, inclusive o app. No entanto, existe uma assinatura Premium que dá acesso a mais algumas ferramentas exclusivas, mas saiba que dá para utilizar a plataforma tranquilamente sem precisar pagar nada.

O que é possível fazer na plataforma

Dentro do LinkedIn você pode encontrar vagas, conectar-se com pessoas e ter acesso a muitos conteúdos. Isso porque você encontra profissionais que fazem postagens relacionadas a diversas áreas de atuação e ainda tem a opção dos artigos que são escritos por essas pessoas.

Com o tempo você vai notar que o LinkedIn se transformou em uma rede social a parte. Tem muitas pessoas que se destacaram dentro da plataforma e conseguiram desenvolver um modelo de negócio dentro do LinkedIn, isso é incrível.

Como criar um perfil no Linkedin?

Como já mencionamos, basta acessar o site do LinkedIn ou aplicativo e criar o seu perfil. No entanto, existem alguns detalhes que precisam ser levados em consideração na hora de criar o seu perfil e é sobre isso que vamos falar aqui.

Título do perfil

Você vai notar que a plataforma tem um espaço para colocar o seu nome e embaixo vai ter um espaço para o título. Sempre que alguém acessar o seu perfil, essa será uma das primeiras coisas vistas. Nessa parte, você vai fazer um breve resumo a respeito da sua atuação profissional.

Evite colocar frases como: “estou procurando emprego”, “em busca de recolocação” ou qualquer outra coisa do gênero. A questão é que o LinkedIn trabalha com palavras chave. Suponhamos que você é um engenheiro, o RH das empresas vão buscar a palavra engenheiro para encontrar um profissional.

Se no título do seu perfil está escrito “estou procurando emprego” em vez de estar discriminado o que você faz, você nunca vai ser encontrado. Então, a maneira correta de fazer o título é colocar a sua profissão e quais são as suas habilidades dentro daquela área em um resumo bem breve.

Foto do perfil

Evite colocar fotos sem camisa, ou com roupa inapropriada, fotos com crianças, com animais, ou fotos em festas e baladas. Lembre-se de que a imagem é a primeira forma de comunicação que você terá com um possível empregador ou parceiro de negócios.

Também não é necessário colocar uma foto estilo foto de documento. Pode ser uma foto em um ambiente legal, com um sorriso. Busque uma imagem que passe certa credibilidade e leveza.

Resumo 

O resumo no LinkedIn funciona como o resumo das qualificações no currículo. Lá você pode falar um pouco sobre sua trajetória profissional, projetos relevantes que esteve envolvido e é claro, falar de suas habilidades.

Ainda que você não tenha nenhuma ou pouca experiência profissional, é possível fazer um bom resumo destacando o que você estuda, quais são os seus projetos para o futuro, quais foram as ações sociais que já participou, enfim. Analise a sua trajetória e destaque os pontos mais fortes, a fim de gerar um impacto no leitor.

Experiências profissionais

Nessa parte a ordem das experiências, é da mais nova para a mais antiga. Se a empresa que você trabalha ou trabalhou está no LinkedIn, você pode marcá-la e daí será possível analisar o perfil dos lugares que você contribuiu também.

Mídias 

Tanto no resumo como nas experiências profissionais, é possível anexar mídias. Então você pode colocar portfólios para demonstrar melhor o seu trabalho. Também é possível anexar documentos e aí você acrescenta o currículo Lattes, por exemplo. Qualquer comprovação em mídia que você tenha para demonstrar suas habilidades profissionais, são válidas.

Adicione sessões

O perfil do LinkedIn vem bastante básico, mas você pode adicionar sessões para incrementá-lo. Dentre as opções nós temos: idiomas, formação, premiações, reconhecimentos, competências e muitas outras coisas.

Comece a adicionar pessoas

Primeiramente, adicione pessoas que você já conhece. O LinkedIn ajuda com isso, ele pega os contatos que você já tem no seu e-mail e mostra quais são as pessoas dos seus contatos que estão no LinkedIn.

A dica aqui é: se é uma pessoa que você já conhece adicione direto, sem mandar mensagens. Agora, se é uma pessoa que você não conhece, é bom mandar um recado explicando o motivo pelo qual você deseja fazer aquela conexão no LinkedIn.

Você pode escrever uma mensagem do tipo: “ Olá fulano, trabalhei na empresa Y no mesmo ramo em que você atua e percebi que nós temos interesses profissionais em comum. Acho que poderíamos agregar algum conhecimento de maneira recíproca através da nossa conexão no LinkedIn. Muito obrigado pela atenção.”

Como encontrar vagas no LinkedIn?

No LinkedIn você pode criar um perfil incrível e aguardar que alguma empresa entre em contato, ou então você poderá buscar por vagas, dentro da plataforma. Algumas empresas abrem uma pré-seleção dentro do LinkedIn e você pode se inscrever em algumas delas.

Outra maneira, é buscar a opção “vagas” e procurar pela oportunidade profissional que deseja. O site tem vários filtros que facilitam essa busca. Algumas empresas colocam um e-mail para que você encaminhe o currículo, outras acrescentam links para encaminhar os candidatos para sites específicos.

O LinkedIn é uma plataforma que possui um mundo de possibilidades. Então, você vai perceber que existem diversas maneiras de fazer conexões e angariar uma oportunidade sonhada. Utilize a plataforma sem moderação e boa sorte.

PROPAGANDA