Como aprender a tatuar? Confira esse passo a passo e descubra

ANÚNCIO

Você sabe como aprender a tatuar hoje em dia? São muitas as respostas possíveis. Por exemplo, fazendo um curso online, vivenciando experiências com tatuadores profissionais ou aprimorando técnicas de técnicos. Só que o começo sempre vai ser o mesmo: o estudo.

Logo, a nossa ideia com este artigo é justamente a de te dar algumas dicas para tatuadores iniciantes ou para quem quer descobrir se essa é a sua verdadeira profissão. Por isso, não vamos focar aqui em salários e nem no mercado de trabalho – e sim em dicas.

Ao passo que são dicas bem simples, que vão ser uma forma de você estudar o tema e conseguir encontrar as melhores respostas para: como aprender a tatuar de um modo fácil? Continue lendo e descubra os principais conceitos e as primeiras dicas.

A importância de conhecer o traço

O ilustrador português Cató Ilude deu algumas dicas sobre os traços. Por exemplo, ele diz que os mais comuns hoje em dia são: new school, old school e os asiáticos. E isso acabou deixando para trás os tribais, nomes, idiomas, tipografias, linhas geométricas.

No entanto, nada disso impede que todos os traços sejam solicitados pelos clientes. De qualquer modo, pensar nessas tendências é uma forma de você começar a estudar e estar atualizado com os assuntos sobre as tatuagens.

ANÚNCIO

Além do mais, ele traz outras dicas para quem está começando a fazer ilustrações. Por exemplo, ele fala em fazer o que mais gosta, ser criativo e explorar tudo o que for possível dentro da sua linguagem, isto é, do seu estilo.

A explicação dele vem da seguinte análise: várias pessoas vão querer desenhos de outras maneiras que não conseguem replicar no papel. Então, sempre seja realista – jamais se deve prometer algo que não se pode entregar.

Criando o próprio estilo

Para representar parte do que foi dito acima, a gente trouxe aqui a história do Leio Favarin, que foi publicada na Revista Gestão e Negócios, na edição 121. Favarin tem um estúdio em São Paulo, mais especificamente em São Caetano do Sul.

O mais engraçado é que ele começou com uma experiência ruim em seu próprio corpo. Ao passo que a tatuagem feita por um amigo não ficou como desejava. Com esse problema, ele desenvolveu tão bem o trabalho a partir do trauma que hoje é especializado.

A especialidade dele é “tatuagens realistas”, o que acaba resultando em diversos tons de preto e cinza. Tanto é que ele foi para os Estados Unidos e em solo americano, ele desenvolveu novas técnicas. Tudo para “fazer os clientes felizes”.

Respeitando e conhecendo o cliente

Ainda antes de chegar no passo a passo de como aprender a tatuar, vamos tratar de mais um tema importante aqui, que é o de conhecer o cliente. Primeiro, saiba que se dedicar à criação é um diferencial, assim como encontrar respostas para os clientes. Veja um pouco mais disso:

A criação do tatuador – um suporte e uma caneta preta é o necessário para o tatuador criar. Isso é o que vai dar base para qualquer tatuagem. No entanto, você deve saber apontar as ideias e fazer o “brainstorming” com o cliente.

O que o cliente procura – o cliente sempre vai buscar uma linha e uma expressão. Afinal, é isso que uma tatuagem representa. Ela pode ser preta e branco, cores psicodélicas ou até mesmo temáticas. O cliente vai buscas sempre o tipo de expressão pessoal.

Dessa forma, ainda falando sobre os clientes, saiba que você, logo de cara, poderá identificar os dois tipos que existem: os clientes cópia (que querem exatamente este desenho) e os clientes normais (que dão o conceito e querem uma obra única).

O passo a passo de como aprender a tatuar

Esse passo a passo é bem simples e foi desenvolvido com base na opinião de vários artistas que estão atuantes no mercado. Obviamente, é apenas uma introdução para quem está estudando a profissão. Porém, serve muito bem como um guia de primeiros passos.

A primeira coisa é saber que tatuagem é arte – e sabendo disso, você deve aprimorar os seus estudos relacionados aos traços e desenvolver suas habilidades de desenho.

Depois, você deve estudar diariamente – dá para pensar em aulas em escolas ou até com tatuadores profissionais. Faça o uso de um caderno de rascunhos para treinar no tempo.

Lembre-se que você tem que ter o seu portfólio – quando tiver alguns desenhos prontos, você deve montar o seu portfólio e catálogo de tatuagens. Ele vai servir para divulgação.

Também é preciso fazer um estágio – obviamente, não é um estágio como em um curso superior. Mas, é uma forma de aprender na prática. Faça isso com profissionais.

Por último, saiba a importância de estar dentro da lei – um último passo, que também pode ser o primeiro, é entrar em contato com a prefeitura para ter o alvará de tatuador.

Bônus – cuidado com alguns erros comuns

Você sabia que alguns erros que poderiam levar a uma experiência ruim, né? A gente até mostrou um caso acima para provar que isso realmente acontece – mesmo que sem querer querendo, né.

como aprender a tatuar

Nesse caso, a gente vai focar em 2 tipos de erros que são comuns, sendo: estresse e excesso de álcool. Ambos podem interferir na pele e gerar resultados ruins. Também é importante que o cliente esteja seguro do que quer. Ah, e cuidado para usar a quantidade certa de tinta.

ANÚNCIO