10 coisas interessantes sobre redes sociais para você investir nelas

Neste artigo vamos citar as coisas mais interessantes sobre redes sociais que além de serem fatos curiosos também são motivos que provam que você tem que investir nelas de forma efetiva e consistente.

E antes de listar essas curiosidades da internet, vamos falar um pouco sobre cada uma delas apenas para que você entenda todo o contexto posteriormente.

Mas, não se preocupe, essa introdução é bastante breve.

O que você precisa conhecer das redes sociais no Brasil

As informações dessa parte do conteúdo são embasadas no relatório da We Are Social e da Hootsuite, que resultaram no documento Digital In 2017.

E a primeira informação que se tem é a de que 58% dos brasileiros acessam as redes sociais todos os dias.

Isso quer dizer que diariamente existem mais de 122 milhões de usuários ativos por aqui e na comparação com 2016, o Brasil ganhou 19 milhões de novos usuários.

Bom, conheça um pouco sobre cada uma delas e apesar de não estarem na nossa lista, estas também são coisas interessantes sobre redes sociais que você tem que saber.

Facebook

O Facebook tem mais de 2 bilhões de usuários, sendo que 130 milhões deles estão no Brasil.

Por aqui ganhou destaque em 2012, 4 anos após ter feito sucesso em outros países.

Se você quer falar sobre ganhar dinheiro na internet, saiba que 98,8% das empresas entrevistadas afirmam que usam o Facebook como estratégia de marketing digital.

A ordem de países mais ativos no Facebook é a seguinte: Estados Unidos, Índia e Brasil.

WhatsApp

No Brasil são mais de 120 milhões de usuários do WhatsApp.

Isso a torna um dos principais meios de mensagem e comunicação no mundo.

A novidade é que recentemente foi lançado o WhatsApp Business, totalmente voltado para as empresas fazerem negócios por meio dele.

Youtube

Hoje o Brasil tem 98 milhões de usuários no Youtube, o que é um aumento de mais de 50% se comparado há 2 anos.

Nessa plataforma de vídeos você pode acompanhar programas, escutar músicas, aprender coisas novas e também fazer o marketing digital.

Uma das coisas interessantes sobre redes sociais em se tratando de Youtube é que apenas 47% das marcas brasileiras investem em marketing.

Sabe o que isso quer dizer? Que tem muita gente que ainda não conseguiu ver o potencial do Youtube para ganhar dinheiro online.

Instagram

São 57 milhões de usuários no Brasil, sendo que 47% dos entrevistados afirmam que essa rede social é a sua “queridinha”.

Em termos comparativos, para você ter uma ideia, o Instagram ficou na frente do Facebook como rede predileta dos brasileiros.

A rede é focada em imagens, como fotografias e vídeos.

Entre conteúdos e anúncios, ela apresentou uma adesão maior de 17% em relação ao ano anterior da realização da pesquisa.

Twitter

A rede social é feita no formato de microblogs e ganhou notoriedade no Brasil em 2013.

Só que desse ano para cá houve queda de usuários ativos em mais de 60%.

Ainda é uma rede social popular no Brasil porque tem mais de 30 milhões de usuários aqui e outros 300 milhões no mundo.

Conforme uma pesquisa da Social Media Trends 2018, a rede está em 4º lugar entre os investimentos mais feitos em marketing digital pelas empresas.

LinkedIn

Em termos corporativos é a maior rede social do mundo, com 200 milhões de usuários no planeta e 29 milhões no Brasil.

Quando as marcas são focadas em B2B, no aspecto business, é para essa rede que ela se volta.

47% das pessoas que usam o LinkedIn fazem isso como canal de marketing.

Para a empresas há um ganho estratégico no posicionamento online, já que faz o networking entre os profissionais de várias áreas.

Pinterest

No mundo são mais de 200 milhões de usuários ativos.

É uma rede totalmente voltada para o conteúdo visual, sendo que 8% de todas as empresas do Brasil estão presentes lá, conforme a Social Media Trends 2018.

O fato é que por aqui ainda é uma rede pouco explorada e isso abre campo para as empresas que tem negócios voltados para o visual, como moda ou mesmo a arquitetura.

Google+

Os números são bons: 19% dos usuários da internet no Brasil estão no Google+ e 22% das empresas também.

Ainda assim, em paralelo às outras redes, essa considerada “inabitada”.

E aqui está mais uma das coisas interessantes sobre redes sociais no Brasil: 90% das pessoas nunca fizeram uma postagem na rede – o que a torna com baixo nível de engajamento.

Por outro lado, outros segmentos são mais usados, como o Google Plus +, em áreas como engenharia e em países como os Estados Unidos.

A dica é estar presente em áreas do seu interesse e a partir disso encontrar amizades focadas nesses tipos de participantes.

Messenger

Enquanto o Google+ pega carona o Gmail, o Messenger faz isso com o Facebook.

No Messenger são mais de 1,2 bilhão de usuários ativos.

Atualmente, represente um grande potencial para marketing, por meio dos chatbots.

Snapchat

No mundo são mais de 187 milhões de usuários, o que representa uma das redes que mais cresceram nos últimos anos.

Mas, inacreditavelmente, vem perdendo força.

O motivo, ao que tudo indica, é o seu concorrente, que criou o Instagram Stories.

No Brasil, 11% dos usuários ativos usam a rede, mas apenas 2% estão presentes.

Mais uma das coisas interessantes sobre redes sociais é que o Snapchat não morreu: se pegarmos os millenials, o uso está cada vez mais frequente.

Portanto, pode sim ser uma ótima ferramenta de marketing digital.

Acredita-se que hoje 42% dos adolescentes deixa na web opiniões sobre as suas vidas e o seu consumo.

coisas interessantes sobre redes sociais

10 coisas interessantes sobre redes sociais

Bem, apresentadas as redes sociais que serão citadas nesse conteúdo, vamos ao que interessa, não é?

Considere que vamos trazer coisas interessantes sobre redes sociais, mas todas com embasamento em pesquisas, dados, gráficos e informações verídicas.

E por que essas coisas podem te ajudar a ganhar dinheiro na internet?

Obviamente porque representa uma pesquisa sobre o comportamento das pessoas na rede – talvez você não saiba, mas o brasileiro passa 9 horas por dia na internet.

E essa é a nossa 1ª das várias coisas interessantes sobre redes sociais que você vai aprender hoje!

Essa é uma das informações que foram divulgadas pela agência We Are Social.

1 – O brasileiro passa mais de 9 horas por dia na internet

O tempo correto é de 9 horas e 14 minutos!

E isso vale para qualquer dispositivo, seja o computador, tablete, notebook, smartphone.

Como já citamos: somos o 3º país do mundo que mais usa a internet como meio de comunicação e também de negócios.

E vale dizer ainda que a noite é o período de maior sucesso nas redes sociais por aqui.

Em torno de 77% das pessoas ficam conectadas nesses horários, sendo que 22% usam a madrugada para postar, curtir, comentar ou compartilhar publicações.

2 – O brasileiro passa mais de 3 horas por dia na internet nas redes sociais

Para complementar a informação acima, vale dizer que praticamente 1/3 de todo tempo que ficamos na internet é usado nas redes sociais.

O tempo certo é de 3 horas e 39 minutos.

Isso quer dizer que somos o 2º povo do mundo a usar essas plataformas, perdendo apenas para os filipinos, que gastam 3 horas e 57 minutos diários com isso.

E aqui, em redes sociais, entenda que vale qualquer uma delas, inclusive, as que foram citadas na parte superior desse texto: Facebook, Instagram, Twitter, Youtube, etc.

3 – 62% da população brasileira está conectada nas redes sociais

Em números, isso dá 130 milhões de brasileiros que usam as redes sociais.

Desse todo, 120 milhões (a grande maioria) realiza o acesso através dos smartphones.

E em termos gerais, isso dá 57% do total da população brasileira.

Acho que essa é uma das coisas interessantes sobre redes sociais que não vão te ajudar em nada? Bom, na real, são números bem importantes!

Especialmente no que diz respeito aos celulares né… No mínimo, isso quer dizer, que você tem que ter um site adequado para esses dispositivos.

4 – O Youtube é a página que o brasileiro passa mais tempo por visita

Essa informação vem de um ranking feito pelo SimilarWeb e mostra que nós, brasileiros, passamos cerca de 20 minutos e 33 segundos em páginas do Youtube.

Durante esse acesso, entramos em uma média de 9,6 páginas do serviço.

Assim, essa plataforma de vídeos tem maior relevância, NESSE SENTIDO, do que o próprio Facebook.

Sendo que o Facebook vem em seguida, com 13 minutos e 55 segundos por acesso.

Depois, na sequência, os sites que mais geram tempo por visita são: Google, UOL, Globo, Mercado Livre e Live.

5 – Acredite: o Youtube é a mídia mais usada

Sim, essa informação contradiz um pouco do que apresentamos até aqui, mas ela tem seu embasamento, feito pela Global Web Index.

A pesquisa mostrou que 60% dos entrevistados declararam usar a plataforma de vídeos do Youtube  contra 59% que falaram que usam o Facebook.

Depois, vem o WhatsApp, seguido do Messenger, Instagram, Google+, Twitter, Skype, LinkedIn, Pinterest, Snapchat e Tumblr.

6 – 92% dos usuários do Facebook fazem isso pelo celular

Do total de 130 milhões de brasileiros que usam o Facebook todos os meses, 92% deles fazem isso especialmente pelo smartphone.

Essa média brasileira está acima da média mundial, que é de 88%.

Os dados são do próprio Facebook.

7 – A maior parte dos usuários de Facebook e Instagram é mulheres

Das pessoas que acessam o Facebook pelo Smartphone, 54% são mulheres no Brasil.

Isso vai contra a média mundial.

Já quando o assunto é Instagram, por aqui, elas dominam no mundo todo também, com 50,4% enquanto no Brasil a porcentagem sobre para 59%.

8 – Os vídeos são os tipos de conteúdos que mais tem engajamento

Se nós vamos falar de engajamento, que é muito importante para quem quer ganhar dinheiro na internet, então, temos que falar mais uma das coisas interessantes sobre redes sociais.

Aqui no Brasil, os vídeos postados no Facebook tem percentual de engajamento de 6,8% dos seus seguidores.

No mundo, esse número cai para 5,23%.

Depois, na sequência, vêm os links compartilhados, que afetam mais de 6,4% das pessoas.

No mundo, o número cai para 3,9%.

E, depois dos vídeos e dos links compartilhados estão as fotos, com 5,8% de engajamento.

Os posts de status é de 5%.

9 – 27% da população brasileira está no Instagram

O Instagram também tem o hábito de divulgar seus resultados.

E, conforme uma dessas pesquisas, o Brasil tem mais de 57 milhões de usuários nessa rede que compartilha fotos e vídeos.

Isso dá um total de 27% da nossa população.

Em termos de usuários, há também o que é conhecido como grau de penetração, que deixa o Brasil na 14ª posição.

10 – Dos 5 apps mais baixados no Brasil, 4 são de interação social

O top 5 apps mais baixados no Brasil foram: Whatsapp, Facebook, Messenger, Instagram e Uber.

Isso quer dizer que em 2017 de todos esses aplicativos mais baixos, 4 são redes sociais.

Em termos de mundo, a única diferença é que o Snapchat também aparece na lista.

Bônus: tendências para as redes sociais em 2018 para ninguém deixar de lado

As empresas devem continuar se preocupando como usuário e a experiência dele nas redes sociais – isso quer dizer que os smartphones (e outros dispositivos) precisam ser otimizados.

E os números comprovam essa real necessidade porque cada vez mais aumenta o número de usuários que preferem fazer compras pelo mobile do que pelo computador ou desktop.

Se o seu negócio não tem uma estratégia de marketing digital voltado para essa área…

Você vai ter que dar um jeito de fazer acontecer. É muito provável que vai perder dinheiro se não fizer isso o quanto antes.

Vamos provar com as pesquisas.

– No Brasil há 198 milhões de smartphones em uso e 162 milhões de computadores, conforme a Pesquisa Anual de Administração e Uso de Tecnologia da Informação nas Empresas.

– Conforme o GSMA, há mais de 5 bilhões de pessoas no mundo que têm smartphones, sendo que a população total é de 7,6 bilhões.

– Em 2016, nos Estados Unidos, a publicidade para mobile representou mais de 80% da receita total do Facebook.

O mobile ainda é uma tendência para as redes sociais em 2018.

Quer saber outras tendências das redes sociais em 2018?

Leia a matéria completa -> 5 tendências para as redes sociais em 2018 para ninguém deixar de lado.

Da redação

Add Comment