7 coisas para NÃO fazer em 2019 ao investir em um negócio digital

Energias negativas, falta de coragem, auto boicote… Será que tudo isso é mesmo importante para quem vai investir em um projeto digital neste novo ano que está apenas começando? Não, esse não é um texto de auto ajuda, mas poderia ser!

Confira essas 7 coisas (sentimentos) que devem ser evitados por você que está com tudo para ter como 2019 o ano da sua virada, dos seus sonhos se tornando realidade e, por que não, da sua independência financeira.

1 – Não Tenha Medo

O sentimento de medo é algo totalmente intrínseco ao ser humano. Todo mundo tem medo ou sentiu medo alguma vez na vida. Mas, o que você faz com ele é que vai mudar a sua vida em 2019.

“Se tiver com medo, vai com medo mesmo”. Você já ouviu essa frase alguma vez na internet, não ouviu e é mais ou menos isso que queremos dizer nesse tópico.

Nos livros de psicologia dá para encontrar a tradução do medo como “um sentimento de perturbação interior, que provoca vulnerabilidade ao indivíduo”.

PROPAGANDA

E, trazendo isso para a prática, se você tem medo quer dizer que você se coloca em posição inferior as outras pessoas, aos concorrentes, ao mercado e aí nasce um dos primeiros sentimentos para o seu negócio digital não dar certo em 2019.

Fugindo um pouco dos livros, o que vemos em histórias de empreendedores que tiveram sucesso em suas ideias é que a coragem existe, mas deve ser enfrentada.

Isso porque é preciso acreditar em si mesmo e nos seus ideais, já que muitas vezes, o medo pode representar a falta de fé também.

E você não precisa acreditar em Deus para ter fé. A ideia aqui é que você tenha fé no seu projeto, saiba por tudo que passou, saiba dos diferenciais e consiga concordar, consigo mesmo, que dá para ter sucesso na vida.

Sem falar da psicologia ou do empreendedorismo, vamos pensar no medo como algo espiritual. O medo abaixa nosso campo vibracional e nos deixa mais fracos para o que tem no mundo externo.

Então, estaríamos sendo injustos e presunçosos se falássemos para você não ter medo. O que queremos dizer é que com medo também dá para tomar boas decisões, se você souber controla-lo e não deixar que ele te impeça de ser mais feliz, com suas próprias escolhas.

2 – Não Aceite Influências Negativas

Existem alguns conceitos superinteressantes que nos provam em que meio estamos rodeados. Por exemplo, algum autor disse que somos a soma das 5 pessoas que estão ao nosso redor. Então, é simples: observe bem quem está ao seu lado.

É regra que você deve ter parceiros, amigos e todo tipo de pessoa que vá somar na sua vida e não o contrário. Ninguém é obrigado a ser amigo de ninguém e você deve escolher muito bem os seus sócios, colaboradores, clientes.

Ter um negócio digital nesse ano que se inicia não é tão difícil quanto parece, mas mantê-lo sim. Por isso, o seu objetivo deve ser a longo prazo e isso quer dizer que você deve ter pessoas confiáveis ao seu lado.

Se voltarmos a falarmos das energias que nosso corpo tem, vamos ver que mente e coração são influenciados pelas energias negativadas que recebemos e isso não é nada espirituoso. Acredite em religião ou não, mas saiba que fugir das conversas negativas e depressivas vai fazer bem para você.

E isso vale para todo meio que você está inserido. Ok?

Provavelmente, você já passou pela situação de receber alguém em casa e de repente parece que o ar do local ficou péssimo, não é mesmo? A flor do seu vaso até murcha, sabe? Isso não tem nada de novidade, muita gente sabe que realmente acontece.

E aqui não estamos falando de bruxismo, só de energia negativa. Se temos uma boa recomendação para este tópico é o seguinte: quando não puder restringir e evitar essas pessoas e ideias negativas, ao menos, não a incentive.

Considere que até mesmo os programas de TV que você assiste, os livros que lê e as músicas que ouve podem te influenciar de forma positiva ou negativa, tá? Não são só as pessoas… Então, escolha bem cada atividade que vai executar. Opte pelo que é positivo!

3 – Não Queira Ter o Jardim do Outro

Sabe aquela ideia de que o jardim do vizinho é sempre mais verde? Pois é, o erro está em achar que ele conseguiu o jardim dele por sorte. O que isso quer dizer? Muita coisa. Vamos lá.

Não há mal em apreciar o jardim do vizinho, tá bom? Se o jardim dele foi bem cuidado e está verdinho, saiba que você pode admirar e querer ter um igualzinho àquele. No entanto, nem sempre o processo que você utiliza para cuidar do seu jardim será igual ao do vizinho, né.

A dica é que você sempre esteja no seu lugar e saiba do que é merecedor. Como já mencionamos aqui, abrir um negócio digital hoje em dia é muito fácil. Literalmente, qualquer um faz isso se tiver um pouco de coragem e um pouco de dinheiro.

No entanto, nem todos (aliás, pouquíssimos) conseguem gerar um bom resultado a partir disso. A grana do vizinho está verde. Mas, você já se perguntou o por que disso? Saiba que existe uma coisa chamada meritocracia, que mostra que com trabalho dá para se chegar ao sucesso.

Você virou o ano de 2018 para 2019 imaginando que esse novo ano poderia ser o melhor da sua vida. Cheio de projetos e lucro. Isso é ótimo porque é o pontapé inicial. Mas, o que você tem feito para que isso aconteça de verdade?

Tem a ideia no papel? Tem juntado o dinheiro necessário? Tem estudado o que precisa do seu produto ou comércio? Sabe tudo do seu projeto e de marketing digital? O que você tem feito para merecer o lucro e sucesso que almeja em 2019?

Essa é a ideia de não querer ter o jardim do outro. Porque, obviamente, você vai ter o seu próprio jardim, né. E, dependente do seu trabalho, ele pode ser ainda mais verde do que o do seu vizinho, tá bom?

Também está nos livros de auto ajuda ou conhecimentos pessoais que boa parte dos problemas que temos existem justamente porque não conseguimos nos relacionarmos bem com nós mesmos. Estamos tão focado no outro que não nos vemos!

4 – Não se Auto Boicote

Se você vai dominar o seu medo, não vai ter influências negativas e sabe que terá que trabalhar para ter o próprio resultado, outra coisa importante para quem vai investir em um negócio digital nos próximos dias é justamente não se boicotar, né.

Alguns teóricos gostam de usar a expressão “auto obsessão”, principalmente aqueles da terapia e da psicanalise. Mas, o que é a auto obsessão? É o maior causador dos problemas em relacionamentos entre humanos.

E nada mais é do que uma dominação entre eles. Enquanto um tem a arte de querer dominar o outro, esse outro acaba se achando menos importante, menos sadio, menos tudo.

Na tradução mais simples, a auto obsessão é o auto boicote, que nada mais é, por sua vez, do que o fato de não se gostar, de não se apoiar e não se dar o devido valor. A pessoa não confia nela própria, então, como vai abrir um negócio digital para vender um produto?

É preciso ter autoconfiança, ao menos, um pouco! E para isso é muito simples: ouça a sua própria voz, os seus pensamentos, os seus demônios também. Se ouça! Afinal, se você está trabalhando árduo por um objetivo, você o merece, tá bom?

Por mais que você acha esse conteúdo como um texto de auto ajuda, saiba que não somente isso, ele é um texto muito direcionado às pessoas que querem investir no mercado digital, mas estão com receio, cheias de mimimi e com medo!

Um dos passos para evitar o fracasso é se conhecer e, claro, acreditar em si mesmo. A nossa força interior é maior do que nós mesmos acreditamos. Assim, somos capazes de ouvir “nãos”, mas também de acreditar nos “sims”.

Logo, não se torne o principal vilão do seu sucesso.

5 – Não se Sinta Culpado

Especialmente as pessoas de bom coração tem a chata mania de se sentirem culpadas por tudo que acontece no mundo. Se vê um menino com fome na rua, acha que a culpa dela. Se o avião caiu no Caribe, a culpa é dela também.

Só que a gente sabe que as coisas não são bem assim. Apesar de que tudo está interligado no mundo, quase nunca a culpa direta é nossa, mesmo porque isso depende de uma série de fatores e atitudes de outras pessoas também.

A culpa é um dos piores estados de espírito que podemos ter porque vai nos inibir de muita coisa. Mas, pior do que isso, ela vai nos influenciar a tomar atitudes negativas, sempre nos culpando por algo.

E o resultado é que caímos em 2 armadilhas que foram citadas aqui: o medo e o boicote!

Pode ser que você esteja pensando que estamos partindo para o lado espiritual demais desse assunto. Então, vamos falar de ciência! Você sabia que existem pesquisas que provam que o sentimento de culpa pode nos deixar mais vulneráveis e com sistema imunológico mais baixo?

É verdade mesmo: a culpa te deixa doente.

Mas, convenhamos, se você leu atentamente o tópico 3 deste conteúdo (Não Queira Ter o Jardim do Outro) sabe que você é merecedor dos seus resultados: sejam eles os positivos ou os negativados, tá.

6 – Não Deixe de Acreditar

Agora, vem um dos ensinamentos mais comuns e que mais aparecem entre os empreendedores de todo o mundo (alguns que tiveram sucesso em negócios digitais, como a Amazon). O que essas pessoas falam e ensinam?

Nunca deixe de acreditar em você, nas suas ideias, nos seus projetos.

Bom, exemplos não faltam, não é mesmo? Até os inventores da lâmpada, do telefone, da Walt Disney, do avião… Tiveram seus problemas e fracassos. Mas, nunca deixaram de acreditar em si mesmos.

Também seriamos bastante ingratos se terminássemos esse conteúdo dizendo que o seu sucesso é certo e rápido. Não. Ninguém sabe o tempo que ele leva para acontecer. Pode ser sim que seja rápido, mas pode ser que não seja. O importante é você acreditar nele.

E qual o melhor jeito de se mostrar interessado e acreditado no seu projeto para o ano que se inicia? Adote uma postura ativa, isso quer dizer, enfrente a situação.

Ouvimos em uma palestra, certa vez, a história do cachorro, que acontece com muita gente, mas nem sempre prestamos a atenção no que ela pode nos ensinar. Então, lembre-se dessa história sempre que achar que o seu negócio digital não vai dar certo:

– Quem tem medo do cachorro e sai correndo, fatalmente será perseguido por ele. Já quem mantém a calma e contorna a situação pode sair ileso.

Anotou essa lição? Não é um proverbio chinês, mas poderia ser. Tem um ensinamento bem legal e é cotidiano né, afinal, quase todo mundo já teve que encarar um cachorro algum dia (seja na vida real, no sonho ou na hora de montar um empreendimento digital).

7 – Não Evite o Sucesso

Por fim, mas não menos importante, saiba que você é merecedor de tudo que tem hoje e de tudo que virá a ter daqui há algum tempo. Aqui, citamos a ideia de projetos digitais, mas poderíamos, facilmente, estar falando de subir de cargo, ter um plano de carreira.

O fato é que com esses 7 conceitos fica muito melhor de entender que temos bons motivos para acreditar em nós mesmos nesse novo ano.

Palavras e ações devem ser sempre positivas e isso faz parte de um conjunto de sentimentos nobres. Não falamos de religião, mas de prática. Se você acredita em si mesmo e no seu ideal, siga em frente e plante o seu jardim do melhor jeito – porque só assim a grama ficará verde!

PROPAGANDA